AP
AP

Benfica joga para acabar com jejum de 52 anos sem título europeu

Time português enfrentará o Sevilla nesta quarta-feira na final da Liga Europa

O Estado de S. Paulo

14 de maio de 2014 | 07h18

TURIM - O Benfica enfrentará o Sevilla nesta quarta-feira na final da Liga Europa carregando o peso de um jejum de 52 anos sem ganhar um título europeu - depois de ser bicampeão da Copa dos Campeões em 1961 e 1962, o time perdeu as sete finais que disputou: cinco da Copa dos Campeões (que agora se chama Liga dos Campeões por não ter mais apenas o campeão de cada país), uma da extinta Copa da Uefa e a da Liga Europa do ano passado contra o Chelsea.

A seca é atribuída a uma praga rogada pelo técnico húngaro Bela Gutman, que ganhou os título de 61 e 62 e, ao não ter seu contrato renovado no ano seguinte, saiu dizendo que o clube jamais voltaria a ganhar uma competição europeia. Jorge Jesus, o técnico de hoje, diz que não acredita na "maldição de Bela Gutman" e que chegou a hora de o Benfica ganhar uma final europeia. "A maioria dos meus jogadores nem sabe da existência dessa história de maldição. Estou no clube há cinco anos, temos crescido a cada temporada e acho que estamos prontos para ganhar um título europeu."

Para chegar à decisão o Benfica eliminou na semifinal o grande favorito da competição: a Juventus, que sonhava disputar a final em seu estádio. O time ganhou em Lisboa por 2 a 1 e segurou um empate sem gols na partida de volta.

O Sevilla ganhou duas vezes a Copa da Uefa, torneio que deu origem à Liga Europa. Na semifinal, eliminou de maneira dramática o Valencia graças a um gol marcado por M’Bia aos 49 minutos do segundo tempo. "A Juventus era a favorita ao título, então é justo dizer que o favorito agora é o Benfica por tê-la eliminado. Mas isso não diminui a nossa confiança", disse o técnico Unai Emery.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.