Berlusconi: 'Ronaldinho Gaúcho foi caro, mas valeu a pena'

Dono do Milan afirma que a contratação do craque brasileiro é um presente para os torcedores da equipe

EFE,

16 de julho de 2008 | 19h04

Silvio Berlusconi, proprietário do Milan (Itália), disse que a contratação do meia brasileiro Ronaldinho Gaúcho junto ao Barcelona (Espanha) custou muito aos cofres do clube italiano, mas valeu a pena.Veja também:O desempenho de Ronaldinho nos clubes Ronaldinho dará certo no Milan? Curiosidades da carreira de Ronaldinho Gaúcho   Que Ronaldinho não seja o Ronaldo Ronaldinho diz estar feliz por jogar no Milan Ronaldinho Gaúcho chega à Itália para ser apresentado ao Milan Ronaldinho promete se comprometer com o Milan Ronaldinho é recebido com festa por torcedores do Milan Técnico do Milan entusiasmado com contratação de Ronaldinho Milan anuncia a contratação de Ronaldinho GaúchoO primeiro-ministro italiano afirmou que a compra do jogador, que custou 25 milhões de euros, foi uma maneira de "corresponder ao amor incrível dos torcedores pelo clube"."Gastei muito, mas fiz isso por nossa torcida. Valeu a pena", disse.Já Carlo Ancelotti, treinador do Milan, sinalizou com a possibilidade de incluir Ronaldinho no time titular. O técnico disse que deve adotar o esquema "árvore de Natal, com dois meias e um atacante"."Ronaldinho jogará em sua posição de origem, embora todos precisem se sacrificar", assinalou. O brasileiro foi contratado nesta terça-feira pela equipe de Milão e chegou nesta quarta à cidade italiana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.