Betis confirma que Ricardo Oliveira não joga contra o Inter

As tentativas do São Paulo de ter o atacante Ricardo Oliveira para a segunda partida da final da Libertadores contra o Internacional não deram resultado. Nesta quarta-feira, o presidente do Betis, José León, confirmou em entrevista à agência EFE que o jogador não poderá disputar mais nenhuma partida com a camisa são-paulina."A Fifa não nos deu o aval. Então, não existe nenhuma chance do Ricardo participar da partida desta noite da Libertadores. Pelo que eu sei, ele nem viajou com a equipe do São Paulo e já está se preparando para voltar à Espanha", explicou León.O presidente do Betis ainda contou que vai estudar uma possível punição ao atacante, que deveria ter retornado à Espanha no último sábado. "Falaremos com ele muito seriamente e tomaremos as medidas disciplinares que considerarmos oportunas pelo atraso".O contrato de empréstimo com Ricardo Oliveira terminou na última quinta-feira. O São Paulo tentou junto aos dirigentes do Betis prorrogar o prazo por mais uma semana. No entanto, o clube espanhol se recusou a liberar o jogador sem que a Fifa desse garantias.

Agencia Estado,

16 de agosto de 2006 | 12h55

Tudo o que sabemos sobre:
libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.