Boa e Bragantino perdem muitos gols e ficam no zero a zero

Com o resultado, o Boa segue sem entrar no G4 e agora aparece na sexta posição, com 32 pontos

AE, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 00h09

VARGINHA - Boa e Bragantino empataram por 0 a 0 na noite desta segunda-feira, em partida de diversas chances de gols para ambos os times. Ainda assim, os ataques não foram felizes e a rede não balançou no Estádio do Melão, em Varginha (MG). A partida foi válida pela 21.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Com o resultado, o Boa segue sem entrar no G4 e agora aparece na sexta posição, com 32 pontos ganhos. É o terceiro jogo sem vencer do time mineiro. Já o Bragantino agora é o 11.º colocado, com 27 pontos em 21 jogos disputados. O time de Vágner Benazzi está há quatro jogos sem vencer.

Atuando em casa, o Boa fez valer o mando de campo e foi para cima do Bragantino desde o primeiro minuto de jogo. Bem armado, o time de Varginha entrou com dois meias bastante ofensivos e Fernando Karanga isolado na frente, o que deu ao time uma força ofensiva.

Atuando dessa forma, o Boa foi superior ao Bragantino durante todo o primeiro tempo e quase chegou ao primeiro gol já aos 9 minutos de jogo. Fernando Karanga ganhou pelo alto da defesa do time de Bragança, mas jogou por cima do gol.

Dois minutos depois, aconteceu o lance mais polêmico da partida. O árbitro Rodrigo Batista Raposo anulou um gol legal de Fernando Karanga, alegando que o jogador estava em posição de impedimento.

O gol anulado causou ira nos jogadores do Boa, mas não atrapalhou o rendimento do time, que continuou em cima do adversário, colocando inclusive bola na trave, porém, o gol não veio.

A atitude do time visitante mudou totalmente na segunda etapa. O time de Bragança Paulista passou a tomar conta do jogo, exigindo boas defesas do goleiro Douglas. Já no primeiro minuto, Rafael Costa levou perigo, cobrando uma falta que tirou tinta da trave.

A pressão do Bragantino continuou. Dudu perdeu um gol inacreditável aos 24 minutos. Cara a cara com o goleiro, o atacante chutou em cima de Douglas, tirando gritos de desespero dos torcedores. Depois disso, os dois times diminuíram o ritmo e o resultado de empate prevaleceu.

O Boa Esporte volta a campo na próxima sexta-feira, às 19h30, para enfrentar o Atlético-GO, em Goiânia. Já o Bragantino terá de atuar mais uma vez fora de casa, também na sexta-feira, às 21h50, contra o Guaratinguetá.

FICHA TÉCNICA:

BOA 0 X 0 BRAGANTINO

BOA - Douglas; Rafinha, André Astorga, Thiago Carvalho e Marabá; Éder Lima (Robert), Olívio, Malaquias (Airton Oliveira) e Marcelinho Paraíba; Francismar (Juba) e Fernando Karanga. Técnico - Nedo Xavier.

BRAGANTINO - Leandro Santos; Robertinho, Álvaro (Geandro), Raphael Andrade e Rafael Costa; Carlinhos, Francesco, Gustavo e Geovanni (Thiago Miracema); Dudu e Magno Cruz (Jenison). Técnico - Vágner Benazzi.

ÁRBITRO - Rodrigo Batista Raposo (DF).

CARTÕES AMARELOS - Douglas, Thiago Carvalho Olívio e Marabá (Boa) e Raphael Andrade, Carlinhos,Francesco, Gustavo, Geovanni e Dudu (Bragantino).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Melão, em Varginha (MG).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBoaBragantinoSérie B

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.