Boa fase do Palmeiras já era esperada, diz Juninho

Há nove jogos sem perder na Série B, o líder Palmeiras coloca à prova a boa fase nesta terça-feira, quando visita o Joinville pela 15ª rodada. Sem perder desde junho, quando foi derrotado pelo Sport no Recife, a equipe embalou e já tem 11 pontos de vantagem sobre o quinto colocado do campeonato - ou seja, o primeiro fora do G4. A boa campanha após o rebaixamento no ano passado não é considerada uma surpresa pelo lateral-esquerdo Juninho, um dos remanescentes de 2012. "Trabalhamos para isso e não é novidade nenhuma estarmos bem", afirmou o jogador, em entrevista nesta segunda-feira.

CIRO CAMPOS, Agência Estado

12 de agosto de 2013 | 13h57

Juninho marcou um gol na vitória de sábado sobre o Paraná, por 2 a 1, no Pacaembu, e garantiu que o elenco palmeirense está muito confiante para a partida em Joinville. "A gente comentava entre nós que, quando conseguíssemos uma sequência de vitórias, íamos embalar. Não é surpresa a boa fase", disse o lateral. Das nove partidas invicto, são oito vitórias e apenas um empate - assim, o Palmeiras lidera a Série B com 34 pontos.

Para Juninho, a bela campanha garantida até aqui é uma forma de aliviar a sensação de culpa pelo rebaixamento no ano passado, mesmo após o título na Copa do Brasil de 2012. "O peso maior para subir fica com quem caiu com o time ano passado. Mas, apesar disso, procuro não pensar assim", afirmou o lateral-esquerdo.

A partida entre Joinville e Palmeiras será nesta terça-feira, a partir das 21h50, na Arena Joinville. A equipe do técnico Gilson Kleina tem como desfalques o meia Valdivia e o atacante Alan Kardec. Ambos receberam o terceiro cartão amarelo no jogo contra o Paraná. Mendieta e Ananias devem ser os substitutos.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasJuninho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.