Boa ganha no Sul e larga na frente nas semifinais da Série C contra o Juventude

Ambos os clubes já tem vaga garantida na Série B em 2017

Estadão Conteúdo

15 Outubro 2016 | 20h42

O Boa deu um grande passo na briga pela vaga na grande final da Série C do Campeonato Brasileiro - a terceira divisão nacional. Neste sábado, o time mineiro foi até Caxias do Sul (RS) para encarar o Juventude, pela rodada de ida das semifinais, e saiu do estádio Alfredo Jaconi com uma vitória por 2 a 1. Os dois clubes já têm vaga garantida na Série B de 2017.

O jogo de volta está marcado para as 21 horas do próximo sábado, no estádio Dilzon Melo, em Varginha (MG). Com o resultado da primeira partida, o Boa pode perder até por 1 a 0 que se classifica para a final. Qualquer empate também é dos mineiros. Um novo 2 a 1, desta vez para o time gaúcho, leva a decisão para os pênaltis.

O Juventude entrou em campo com apenas quatro titulares, já que nesta quarta-feira encara o Atlético Mineiro, em Caxias do Sul, pela rodada de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Não foi preciso muito tempo para perceber que a decisão do técnico Antônio Carlos Zago de poupar os principais jogadores modificou bastante o modo de jogar do time.

Se no jogo do acesso, diante do Botafogo-PB, o Boa só conseguiu balançar as redes aos 50 minutos do segundo tempo, no primeiro jogo da semifinal a tensão foi aliviada logo de cara. Com apenas um minuto de bola rolando, Daniel Cruz correu até a linha de fundo pela direita e cruzou rasteiro para Fellipe Mateus abrir o placar. Aos cinco minutos, Daniel Cruz chutou com força para fazer o segundo gol mineiro.

Apesar da alta intensidade dos primeiros minutos, o restante da etapa inicial correu sem grandes emoções. No segundo tempo, o jogo ganhou um novo ritmo e o Juventude cresceu. Aos 27 minutos, Sananduva tirou a marcação girando sobre a bola e tocou no canto do goleiro para diminuir e fechar o placar.

A outra semifinal vai ser disputada neste domingo, às 21 horas (de Brasília), entre ABC e Guarani, no estádio Frasqueirão, em Natal. A volta será no outro domingo, dia 23, também às 21 horas, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.