Boca Juniors anuncia o retorno do meia argentino Riquelme

O presidente do Boca Juniors, Mauricio Macri, anunciou nesta quinta-feira o retorno do meia Juan Román Riquelme, que estava no Villarreal, da Espanha. O jogador defenderá o clube na Copa Libertadores, até o final do mês de junho, quando retornará à Espanha."Estou feliz por conseguir fechar essa negociação", contou Macri, que na quarta-feira havia declarado que Riquelme não queria aceitar a proposta por causa do pouco tempo de contrato. No entanto, o jogador mudou de opinião depois de um acerto financeiro - ele receberá US$ 2 milhões.Riquelme havia deixado o Boca no final de 2002, para jogar no Barcelona. Porém, acabou tendo um desempenho fraco e um ano depois foi transferido para o Villarreal, onde ficou até acertar o seu retorno à Argentina.Com 28 anos, Riquelme é um dos principais ídolos da torcida do Boca, clube com o qual já conquistou seis títulos - destaque para duas Libertadores (2000 e 2001) e um Mundial de Clubes (2000).Nem tão certoApesar de Macri ter anunciado Riquelme, o presidente do Villarreal, Fernando Roig, contou que o clube argentino ainda precisará acertar alguns detalhas para ficar com o meia. "As coisas não são tão fácies o quanto parecem. Ainda falta a assinatura e mais alguns probleminhas."Segundo Roig, uma reunião definitiva entre as diretorias acontecerá ainda nesta quinta para acertar os detalhes. "É provável que tudo dê certo. Mas, o Riquelme ainda não poderia ter sido anunciado", contou Roig.Atualizado às 12h25

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.