Boca Juniors anuncia punições a jogadores que trocaram socos em treino

Juan Manuel Insaurralde e Jonathan Silva receberam suspensão e multa

Estadao Conteudo

16 Fevereiro 2017 | 13h50

O Boca Juniors anunciou nesta quinta-feira as punições aos jogadores que trocaram socos em um treino da equipe na última terça. Juan Manuel Insaurralde e Jonathan Silva foram multados pela diretoria do clube e suspensos dos próximos dois jogos amistosos do time argentino.

Insaurralde e Silva defendiam a equipe reserva do Boca no treino de terça quando se desentenderam e começaram a trocar socos. Os defensores teriam discutido rapidamente sobre um problema na marcação antes de se agredirem e serem expulsos da atividade pelo técnico Guillermo Barros Schelotto. Depois, vieram a público para pedir desculpas.

Apesar da retratação de ambos, o Boca decidiu aplicar uma multa de metade de seus salários no mês de fevereiro. Além disso, eles não poderão atuar nos amistosos deste sábado, contra o Tigre, e da semana que vem, provavelmente diante do Colón.

O Boca vive momento conturbado em seu elenco. Recentemente, um vídeo divulgado pela imprensa argentina mostrou o ex-são-paulino descontrolado e sendo contido pelos companheiros na concentração do elenco em janeiro. O motivo do incidente não foi divulgado.

Enquanto isso, o Campeonato Argentino segue paralisado por conta da crise na associação de futebol do país. A expectativa é que a competição volte a ser disputada no início de março. Até lá, as equipes seguem disputando amistosos.

Mais conteúdo sobre:
futebol Boca Juniors

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.