Divulgação/DFS Gol Business
Divulgação/DFS Gol Business

Boca Juniors faz visita técnica a escolinhas oficiais da Grande SP

Tradicional equipe argentina levará alguns jovens para semana de treinos em Buenos Aires

O Estado de S. Paulo

26 de agosto de 2016 | 09h02

A direção do Boca Juniors, da Argentina, está no Brasil para realizar visitas nas escolinhas de futebol que mantém em solo brasileiro. Com administração diretamente ligada ao clube de Buenos Aires, cujo maior expoente é Diego Armando Maradona, o corpo técnico do clube já passou por várias escolas do Brasil e desembarcará na Grande São Paulo para observar e avaliar as atividades oferecidas para as crianças e adolescentes associados.

A avaliação técnica oficial será comandada pelo diretor técnico das equipes de base do Boca, José Malleo. Os pontos de ensino a serem observados serão a habilidade técnica, responsabilidade tática, estrutura e condicionamento físico, fundamentos técnicos, e postura em campo. O objetivo é mostrar, em palestra aos jovens jogadores, como ter um comportamento de acordo com as características e filosofias do clube argentino, um dos  mais reverenciados do mundo.

Os atletas, que têm entre 9 e 17 anos, são originários das escolinhas da Penha, na zona leste da capital paulista, e de Cotia, na Grande São Paulo - onde será sediado o evento. Depois da observação e da palestra, Malleo ministrará uma clínica de futebol para os alunos. Dentre os jovens observados, alguns serão selecionados para passar por uma semana de treinos no CT oficial das categorias de base do Boca Juniors, em Buenos Aires.

"Essa avaliação serve para medir a qualidade e a evolução técnica dos nossos atletas, como também se ajustar à metodologia do clube argentino. Isso está sendo ministrado corretamente pelos nossos profissionais envolvidos", explicou Victor Souza, coordenador da unidade Penha.

O processo de observação das escolinhas do Boca no Brasil começou no último dia 17, em Brasília, e já passou pelas cidades do Recife, Picos (PI), Rio de Janeiro, Campinas (SP) e Itupeva (SP), encerrando no Guarujá, no próximo dia 30.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.