Boca Juniors ganha e fica perto de vaga na Libertadores

O Boca Juniors está muito perto da classificação às oitavas-de-final da Copa Libertadores da América. Nesta quarta-feira, em Assunção, o time argentino derrotou de virada o Guaraní, por 3 a 1, e ficou a apenas uma vitória da vaga antecipada no Grupo 2.

AE, Agencia Estado

19 de março de 2009 | 00h07

Agora com nove pontos, e 100% de aproveitamento em três partidas, o Boca Juniors lidera isoladamente a chave. Deportivo Cuenca, do Equador, e Deportivo Táchira, da Venezuela, estão em segundo, com seis pontos e um jogo a mais. O Guaraní é o lanterna ainda sem pontuar.

O time paraguaio saiu na frente no placar com o gol de Jose Negreiros, aos 35 minutos do primeiro tempo. Na segunda etapa, o Boca Juniors conseguiu a virada com Riquelme, aos 22, Martín Palermo, aos 30, e Rodrigo palacio, aos 40 minutos.

Em Buenos Aires, o Libertad, do Paraguai, se tornou o primeiro time a garantir a classificação às oitavas. A equipe paraguaia derrotou o San Lorenzo por 1 a 0 - gol contra de Aguirre, aos cinco minutos do segundo tempo -, no estádio Nuevo Gasómetro, e chegou a 12 pontos no Grupo 8, com 100% de aproveitamento. Os argentinos seguem com três e ainda lutam pela segunda vaga da chave.

VITÓRIA COLOMBIANA - Pelo Grupo 7, o mesmo do Grêmio, o Boyacá Chicó não deu chances ao Universidad de Chile e venceu por 3 a 0, na cidade colombiana de Tunja, pela terceira rodada. O triunfo foi obtido com gols de Móvil e Girón, ainda no primeiro tempo, e de Nuñez, aos 26 minutos da segunda etapa.

Agora com seis pontos, o clube da Colômbia lidera a chave. Grêmio e Universidad de Chile estão na segunda colocação, com quatro cada, mas o time brasileiro leva vantagem no saldo de gols (1 a 0). O Aurora, da Bolívia, é o lanterna ainda sem pontuar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.