Juan Carlos Cárdenas/EFE
Juan Carlos Cárdenas/EFE

Boca Juniors tenta repatriar Carlitos Tevez após Copa América

Atacante tem acordo com Juventus, mas disse que gostaria de voltar

O Estado de S. Paulo

12 de junho de 2015 | 10h44

Em alguns meios de comunicação na Argentina, como no site ARGNotícias, a volta de Carlitos Tevez para o Boca Juniors é dada como certa, logo depois de o atacante encerrar sua participação na Copa América. Tevez foi campeão italiano com a Juventus, mas tem comentado com alguma frequência seu desejo de regressar à Argentina e voltar a vestir a camisa do time que o lançou 11 anos atrás.

Ele teria aceitado oferta do Boca Juniors depois que representantes do clube portenho o convenceram a voltar em bate-papos na concentração da Argentina no Chile. O vice-presidente do Boca, Juan Carlos Crespi, fez as honras da transação. Aos 31 anos, sua volta para o Boca também o colocaria no caminho de alguns clubes do Brasil, como o Corinthians, em prováveis confrontos na Copa Libertadores. Tevez sempre teve o carinho do torcedor corintiano. E também seria um carrasco para os outros times brasileiros, como era no seu tempo de Parque São Jorge.

O problema vai ser convencer os italianos da Juventus. O time de Turim também tem pelo atacante uma de suas referências. Tevez foi decisivo na temporada, levando a equipe até a final da Liga dos Campeões contra o Barcelona. O Boca também terá de brigar com o Atlético de Madrid, comandado pelo argentino Diego Simeone, que gostaria de ver Tevez no grupo. O clube madrilenho oferece R$ 15,6 milhões pelo jogador. Ele tem mais dois anos de contrato.

Enquanto o acordo não é oficializado, Tevez se junta aos colegas Messi, Aguero e Dí Maria para disputar a Copa América. O time argentino estreia neste sábado contra o Paraguai.


Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.