Boca não é eliminado nas semifinais da Libertadores desde 1991

Em 2001, o Palmeiras foi a vítima dos argentinos; no caminho para o título em 2007, time eliminou o Cúcuta

EFE

27 de maio de 2008 | 16h49

O Boca Juniors, adversário desta quarta-feira, do Fluminense no jogo de ida das semifinais da Copa Libertadores, conseguiu avançar à final nas últimas cinco vezes que chegou esta fase da competição. Veja também: Renato Gaúcho critica gramado do estádio na Argentina A equipe argentina não é eliminada nas semifinais desde 1991, quando venceu o Colo Colo por 1 a 0 em Buenos Aires, mas perdeu no Chile por 3 a 1. O Palmeiras foi a vítima de 2001 do Boca Juniors, quando após dois empates por 2 a 2, o time argentino levou a melhor nos pênaltis. Em 2000, o Boca eliminou o América do México e conquistou o título ao levar a melhor sobre o Palmeiras na final. No caminho para o título da Libertadores de 2007, o Boca eliminou o Cúcuta, da Colômbia. Já em 2004, a equipe argentina levou a melhor sobre o rival River Plate. Esta foi a última vez que o Boca foi derrotado na decisão da Libertadores. Em 2003, os argentinos despacharam outro colombiano, o América de Cali.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.