Divulgação
Divulgação

Bola oficial da final da Copa do Mundo é apresentada aos torcedores

Modelo é uma variação da brazuca e será usado apenas na decisão do Mundial

O Estado de S. Paulo

29 de maio de 2014 | 14h53

SÃO PAULO - A bola oficial da grande final da Copa do Mundo, que será disputada no dia 13 de julho, no Maracanã, foi apresentada aos torcedores nesta quinta-feira. O modelo será usado apenas na decisão do Mundial e é uma variação da brazuca, a bola oficial do torneio, lançada em dezembro do ano passado pela Adidas.

De acordo com a empresa alemã, o design da brazuca Final Rio foi inspirado no verde e no dourado do troféu da Copa. Assim como ocorreu com a bola dos outros 63 jogos da competição, elas passaram por um rigoroso processo de testes ao longo de dois anos e meio, envolvendo mais de 600 jogadores de elite em todo o mundo e 30 equipes em 10 países espalhados por três continentes, tornando-a a bola mais testada pela Adidas.

Em dezembro de 2013, a empresa entregou brazucas a todas as seleções que disputarão o Mundial. Com isso, as equipes tiveram tempo suficiente para treinar com as novas bolas em treinamentos e partidas oficiais. Desde então, a bola fiu utilizada no  Mundial Interclubes, na Copa do Rei, na Copa da Alemanha e na MLS - Julio Cesar, goleiro da seleção teve a oportunidade de conhecê-la. O modelo também foi usado em diversos amistosos internacionais.

A tecnologia incorporada na câmara e na estrutura das bolas é idêntica à da Tango 12 (Euro 2012), da Cafusa (Copa das Confederações 2013) e do modelo da Liga dos Campeões. A Brazuca, contudo, traz uma inovação estrutural, que consiste em uma simetria exclusiva de seis painéis idênticos. A inocação proporcionará melhor aderência, toque, estabilidade e aerodinâmica em campo.

A Adidas tem criado todas as bolas da Copa do Mundo desde 1970. Desde então, os modelos levaram os nomes de Telstar, Telstar Durlast, Tango, Tango España, Azteca, Etrusco Unico, Questra, Tricolore, Fevernova, Teamgeist e Jabulani. Os Mundiais de 2006 e 2010 também tiveram um modelo especial para a final da competição. A parceria entre a empresa alemã e a Fifa vai durar mais quatro edições, até 2030.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2014Brazucabola oficial. Adidas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.