Bolívar renova contrato com o Inter e pode jogar decisão

Jogador deve ser escalado por Tite para o confronto decisivo contra o Corinthians no dia 1.° de julho

Agencia Estado

23 de junho de 2009 | 19h58

O zagueiro/lateral-direito Bolívar renovou contrato com o Internacional por mais três anos nesta terça-feira. Com o acerto, o jogador está liberado para disputar o segundo jogo da final da Copa do Brasil, contra o Corinthians, e a Recopa, contra a LDU.

Veja também:

linkFelipe, do Corinthians, já sonha com disputa da Libertadores

linkDentinho quer ganhar do Atlético-PR para buscar líder

linkRoma estaria interessada em André Santos

linkBolívar renova contrato com o Inter e pode jogar decisão

linkTécnico do Atlético-PR prevê jogo duro com Corinthians

lista COPA DO BRASIL - Resultados e calendário

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O jogador, que havia viajado para a França na quinta-feira, acertou a sua saída do Mônaco e encaminhou a renovação com o Inter. O atleta estava emprestado ao clube brasileiro, mas já assinou novo contrato. Agora, o clube e um investidor detêm 80%, enquanto os 20% restantes do passe pertencem ao próprio Bolívar.

"Estou muito contente. Aqui é onde me sinto em casa. Os três anos de contrato representam a confiança que a direção tem em mim, e isso é muito gratificante. Estou bem confiante em participar da final da Copa do Brasil", declarou o jogador após o acerto.

Bolívar estava impedido de jogar a segunda partida da Copa do Brasil no dia 1º de julho porque seu contrato terminava no dia anterior, 30 de junho. Com a renovação, o zagueiro, que cumpriu suspensão na primeira partida da decisão, está liberado para a finalíssima.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.