Bolívia quer enfrentar o Brasil nas Eliminatórias em Potosí

O técnico da Bolívia, Erwin Sánchez, disse neste sábado que pedirá à federação de seu país para enfrentar o Brasil pelas Eliminatórias da Copa 2010 na cidade de Potosí, que fica cerca de quatro mil metros acima do nível do mar."Se a Bolívia tem de jogar no Brasil sob um calor de 40 graus, com uma umidade tremenda, então nós também temos o direito de escolher onde jogar, gostem os outros ou não", declarou Sánchez ao jornal El Nuevo Día.As declarações do técnico boliviano foram dadas após as críticas da diretoria do Flamengo, que enfrentou o Real Potosí na altitude boliviana na última quarta-feira, pela Libertadores.Nessa partida, que terminou empatada por 2 a 2, parte dos jogadores do time carioca passaram mal e precisaram de oxigênio. O goleiro Bruno, por exemplo, chegou a desabar após cobrar um tiro de meta.Após o ocorrido na Libertadores, o presidente do Flamengo, Márcio Braga, declarou que a prática esportiva em cidades tão altas como Potosí era um ato bárbaro e colocava em risco a vida dos atletas. Inclusive, o clube enviou uma representação à Fifa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.