Bonamigo conhece o valor do clássico

O técnico Paulo Bonamigo comemorou a contratação do zagueiro Gamarra, que foi apresentado oficialmente nesta terça-feira, mas não tira os pés do chão. Sabe que sua situação no Palmeiras ainda depende de resultados e a próxima partida (o clássico contra o Corinthians), no domingo, é decisiva para seu futuro no comando do time. "Em dois meses aqui, deu para perceber que o Corinthians é o maior rival do Palmeiras. Muito maior do que o São Paulo, por exemplo", contou Bonamigo.Se vencer o Corinthians, Bonamigo espera que o time dê a arrancada para iniciar a reação no Campeonato Brasileiro. "Clássico é um jogo especial, no qual uma vitória personaliza o time. Dá força para o grupo. Se perder, as pressões para uma possível demissão aumentarão muito. A fumaça ainda não baixou", reconheceu. "Clássico é assim em todo lugar, seja o Atletiba, o Grenal, Cruzeiro e Atlético. Um resultado negativo no clássico aumenta a pressão em todos", afirmou Bonamigo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.