Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Borja volta a treinar no Palmeiras e deve jogar clássico de sábado

Colombiano se recupera de dores no joelho após ter sido desfalque de última hora contra a Ponte Preta, no fim de semana

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

21 de fevereiro de 2018 | 19h24

O Palmeiras treinou nesta quarta-feira com a presença do atacante Miguel Borja. Poupado nos últimos dias com dores no joelho, o colombiano participou da atividade comandada pelo técnico Roger Machado com uma proteção no local e não deve ter problemas para atuar no próximo compromisso, contra o Corinthians, no sábado, fora de casa, pelo Campeonato Paulista.

+ Puma desponta como favorita para vestir o Palmeiras

+ Lucas Lima: 'Sempre joguei bem contra o Corinthians'

O trabalho começou com um circuito físico para o elenco, seguido de uma ténica com um time nove jogadores de linha cada um. O objetivo era ter uma rápida troca de passes e posicionamento defensivo, já que era preciso marcar com dois atletas a menos. Assim como na terça-feira, o zagueiro Edu Dracena e o meia Moisés trabalharam normalmente, após terem passado por um processo específico de pré-temporada.

As dores no joelho havima tirado Borja do confronto com a Ponte Preta, no último domingo. O colombiano é o artilheiro do time no ano, com cinco gols, e sentia o problema já em algumas partidas. Por isso, a comissão técnica optou por preservá-lo em Campinas para tê-lo em condições de ser utilizado no clássico na Arena Corinthians.

A equipe volta a treinar na tarde de quinta-feira. O trabalho deve ser a primeira ocasião em que Roger vai começar a preparar o time especialmente voltado para o clássico com o Corinthians. A preparação vai se encerrar na sexta-feira, novamente com atividade marcada para a parte da tarde.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.