Wolfgang Rattay/Reuters
Wolfgang Rattay/Reuters

Borussia abre 4 a 0, mas Schalke busca 4 a 4 heroico com gol de Naldo em Dortmund

Time mandante conseguiu larga vantagem logo nos primeiros 25 minutos de jogo, mas acabou cedendo empate no fim

Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2017 | 15h50

O Borussia abriu quatro gols de vantagem sobre o Schalke 04 em apenas 25 minutos de jogo, neste sábado, em Dortmund, pela 13.ª rodada do Campeonato Alemão, mas permitiu a reação do rival e o empate por 4 a 4 em uma das partidas mais emocionantes da história da competição.

+ Confira a tabela de classificação do Campeonato Alemão

+ Leia mais notícias sobre futebol internacional

+ Manchester United vence o Brighton e se garante na vice-liderança do Inglês

O empate manteve o Schalke na terceira colocação do campeonato, com 24 pontos, mas impediu com que o Borussia, agora com 21 pontos e na quarta posição da tabela, encostasse. O Bayer de Munique, que ainda joga neste sábado, lidera o campeonato com 30 e o RB Leipzig está na vice-liderança, com 26.

O duelo teve dois tempos absolutamente distintos. Na primeira etapa, o Borussia Dortmund dominou completamente o time visitante e chegou à goleada com facilidade também pela atuação de destaque do atacante Aubameyang. Mas o segundo tempo foi todo do Schalke, que chegou à igualdade com o zagueiro Naldo já nos acréscimos.

O franco-gabonês Aubameyang dividiu com a zaga e o goleiro adversários para abrir o placar aos 12 minutos do primeiro tempo e dar início a um verdadeiro massacre da equipe local. Pouco depois, o zagueiro Stambouli tentou interceptar um cruzamento e jogou contra as próprias redes: 2 a 0 Borussia.

O Dortmund só precisou de mais dois minutos para fazer o terceiro gol em uma grande arrancada de Aubameyang e passe para Mario Götze marcar. Em seguida, aos 25 minutos, Aubameyang e Götze trocaram passes, mas a bola sobrou na esquerda para o lateral português Raphael Guerreiro assinalar o quarto gol.

A larga vantagem no placar e o ritmo alucinante do Borussia dava a entender que o time da casa voltaria para a segunda etapa para aumentar ainda mais a goleada ou, no mínimo, manter o placar e confirmar uma vitória maiúscula sobre o time rival no jogo que é chamado pelos torcedores como a "mãe dos clássicos" na Alemanha.

No entanto, o Schalke não se entregou no tempo final e proporcionou uma das reações mais impressionantes do Campeonato Alemão. Aos 7 minutos, o zagueiro brasileiro Naldo fez de cabeça, mas a arbitragem anulou a jogada com o auxílio do vídeo.

O atacante austríaco Guido Burgstaller fez um golaço por cobertura, iniciando de fato a grande reação da equipe visitante, aos 15. O segundo gol, quatro minutos mais tarde, nasceu de uma jogada pela esquerda e chute de Amine Harit.

Aubameyang, personagem da partida no primeiro tempo, perdeu a cabeça e foi expulso de campo. O Schalke seguiu pressionado e chegou ao terceiro gol aos 39 minutos, com o meia Daniel Caligiuri.

Totalmente entregue, o Borussia viu Naldo marcar o gol que entrou para a história do clássico de maior rivalidade no futebol alemão. O brasileiro subiu de cabeça em uma cobrança de escanteio para empatar a partida, aos 49 minutos.

Após o apito final do árbitro Deniz Aytekin, os ânimos se exaltaram entre alguns jogadores e houve uma grande confusão, iniciada depois de um desentendimento entre o goleiro Ralf Faehrmann, do Schalke, e o meia Nuri Sahin, do Borussia, ambos receberam o cartão amarelo mesmo depois de o jogo estar encerrado.

O Borussia Dortmund voltará a campo pelo Alemão no próximo sábado para enfrentar o Bayer Leverkusen, fora de casa. No mesmo dia, o Schalke receberá o Colônia. Ambos os jogos serão válidos pela 14.ª rodada do torneio nacional.

OUTROS JOGOS

Em outros quatro jogos foram realizados pelo Campeonato Alemão, o Augsburg venceu o Wolfsburg por 2 a 1, em casa. O Bayer Leverkusen foi a Frankfurt e venceu o Eintracht por 1 a 0. O Freiburg recebeu o Mainz e o derrotou por 2 a 1. Por fim, o RB Leipzig bateu o Werder Bremen, também em casa, por 2 a 0, com um dos gols assinalados pelo meia brasileiro Bernardo.

Com o triunfo deste sábado, o Leverkusen se garantiu na sexta posição do Alemão, com 20 pontos, fechando a zona de classificação para as competições europeias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.