Reprodução www.bvb.de
Reprodução www.bvb.de

Borussia Dortmund vence último amistoso antes da volta do Alemão

Aubameyang fez dois gols e foi o destaque da vitória sobre o Zulte Waregem por 3 a 2

Estadão Conteúdo

08 Janeiro 2018 | 15h58

Com a pausa no Campeonato Alemão diante do rigoroso inverno no país, o Borussia Dortmund aproveitou para realizar amistosos. E nesta segunda-feira, venceu o último antes do retorno da competição nacional. Diante do Zulte Waregem, da Bélgica, o time contou com a estrela de Aubameyang para levar a melhor por 3 a 2, em duelo realizado na cidade de Marbella, na Espanha.

+ Ano começa com quatro ligas europeias praticamente decididas

Após a oscilação que viveu na reta final de 2017, o Dortmund encarou o amistoso desta segunda como um teste e, por isso, entrou em campo com boa parte de seus titulares. Mesmo assim, foi surpreendido e viu o adversário abrir o placar aos 22 minutos, com o gol de Harbaoui.

A resposta veio seis minutos depois, quando Piszczek aproveitou escanteio cobrado por Gonzalo Castro e empatou. Mas somente quatro minutos mais tarde, Derijck utilizou-se do mesmo artifício para recolocar o Zulte em vantagem, ao escorar cruzamento da direita.

O Dortmund voltou a pressionar e empatou novamente aos 41 minutos. Após erro na saída de bola do Zulte, Yarmolenko arrancou e deixou Aubameyang em ótimas condições para marcar. E no segundo tempo, o gabonês definiu o placar com um lindo gol. Ele recebeu de Jadon Sancho na esquerda, cortou o marcador e encheu o pé.

Outro tradicional time alemão que entrou em campo nesta segunda para um amistoso foi o Stuttgart, que encarou o belga Oostende na cidade de San Pedro del Pinatar, na Espanha, e goleou por 5 a 2, de virada. Destaque para Ginczek, que marcou os últimos dois gols da partida.

O Borussia Dortmund agora volta a campo no domingo, quando recebe o Wolfsburg pelo Campeonato Alemão. Pela mesma competição, o Stuttgart joga um dia antes diante do Hertha Berlin, também em casa.

Mais conteúdo sobre:
Borussia Dortmund

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.