Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians
Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Boselli admite que está devendo e pede para reforçar Corinthians em Manaus

Atacante deve fazer contra o Vasco, sábado, o quarto jogo seguido entre os titulares

João Prata, O Estado de S.Paulo

03 de maio de 2019 | 04h30

O atacante Mauro Boselli fez contra a Chapecoense o terceiro jogo seguido como titular do Corinthians. O jogador, no entanto, descartou o cansaço e se colocou à disposição para enfrentar o Vasco, sábado, em Manaus, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

O técnico Fábio Carille adiantou que poupará alguns atletas que estão em uma sequência muito grande. Ele não citou, mas a tendência é que Fagner, Manoel, Ralf e Clayson sejam liberados da longa viagem.

Boselli se colocou à disposição e tentará aproveitar mais uma oportunidade, já que seu concorrente, Gustagol, continua em recuperação. "Estamos sempre à disposição do Fábio e ele sempre conversa com a gente, nos pergunta como estamos. Os jogadores são muito honestos quando precisam descansar. É sempre importante que estejamos 100%. Me sinto seguro, acho que posso ajudar, são decisões do treinador. Quem decide é sempre o treinador", disse.

Contratado como um dos principais reforços para a temporada, Boselli ainda não conseguiu convencer. Ele marcou dois gols até agora em 19 jogos disputados. O argentino admitiu que ainda precisa se adaptar à rotina brasileira, pois o calendário é muito mais cansativo do que o mexicano - Boselli atuou as últimas cinco temporadas pelo León, do México.

"É verdade que estamos sentindo muito. Não só eu, mas toda a equipe vem sentindo dificuldades. A sequência de partidas, de muita intensidade, mas o elenco é grande e o professor vai achar a melhor equipe para que todos estejamos 100%", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.