Botafogo aposta na volta de Emerson contra o São Paulo

Atacante teve pena por agressão reduzida no STJD e está livre para comandar o ataque dos cariocas no Mané Garrincha, em Brasília

Estadão Conteúdo

10 Setembro 2014 | 07h05

O técnico Vagner Mancini terá de se desdobrar para escalar o time do Botafogo que enfrenta o São Paulo no estádio Mané Garrincha, em Brasília, às 22 horas desta quarta-feira. A partida é válida pela 20.ª rodada do Campeonato Brasileiro, a primeira do returno. A equipe tem uma série de desfalques por causa de suspensão e contusões. Entretanto, vai contar com o retorno do atacante Emerson e do volante Aírton, que se recuperaram de lesão.

O lateral-direito Edilson não joga por problemas musculares e já o atacante Rogério sofreu uma pancada na cabeça na última rodada e deve demorar a se recuperar. Além deles, Dankler, Bollati e Ramirez vão cumprir suspensão.

Ao todo, são 15 jogadores sem condições de enfrentar o São Paulo. Além de Edilson e Rogério, há outros nove sob cuidados médicos ou em fase de recuperação física. E o Botafogo também não terá nesta quarta o goleiro Jefferson, que serve à seleção brasileira.

Provável substituto de Edilson, o volante Gabriel se mostrou confiante na força de sua equipe diante do vice-líder do Brasileirão. "Temos totais condições de vencer o São Paulo. Temos que jogar como se fosse em casa", afirmou. "Queremos fazer um segundo turno melhor do que o primeiro".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.