Botafogo arranca empate em Brasília

O Gama empatou com o Botafogo, por 1 a 1, neste sábado à noite, no Estádio Bezerrão, no Distrito Federal, e complicou as intenções do time carioca encostar no líder Palmeiras, na classificação da Série B do Brasileiro. O Botafogo continua na vice-liderança, agora com 37 pontos. O time brasiliense ainda é vice-lanterna, agora com 17 pontos, e praticamente rebaixado para a Série C em 2004.O técnico Estevam Soares, do Gama, tentou esconder a escalação do time até os últimos momentos. Na verdade, montou um 4-4-2 com variação para 4-3-3, uma vez que precisava somente da vitória para continuar na sua luta contra o rebaixamento. Mesmo assim, não contou com o apoio de sua torcida, que foi ao estádio para protestar contra a diretoria, virando as faixas de cabeça para baixo.O Botafogo, com Levir Culpi, manteve a estrutura básica do time, no 4-4-2, com Allan confirmado no lugar do zagueiro Edgar, lesionado. Mas o time da casa se deu melhor em campo. Explorou bem a velocidade de Luciano Fonseca e a presença do grandalhão Adriano.Aos poucos dominou o jogo, criando boas chances. A melhor delas aconteceu aos 13 minutos, quando Adriano chutou da pequena área e Max fez a defesa parcial. Brilhou também a estrela de Estevam Soares, que tinha escalado de última hora o meia Fábio Roberto, que abriu o placar aos 29 minutos. Após o cruzamento de Adriano, pelo lado direito, ele dominou na frente da grande área com o pé direito e chutou com a esquerda sem chances de defesa para Max.No intervalo, o técnico Levir Culpi fez duas mudanças. O zagueiro Allan, que volta de contusão, sentiu falta de ritmo e acabou substituído por Gedeil. O lateral-direito Márcio Gomes ficou nos vestiários para a entrada de Eliseo. Além disso, o Botafogo voltou com os meias Valdo e Camacho mais adiantados para ganhar força ofensiva. Apesar da disposição de atacar, o Botafogo não chegou com perigo ao gol defendido por Bruno.Aos 21 minutos, Fábio Roberto segurou Leandrão e como já tinha amarelo, acabou expulso. Imediatamente Estevam Soares tirou o atacante Luciano Fonseca para a entrada do volante Wesley para recompor a marcação. O Gama ainda levou outro susto aos 31 minutos, quando o goleiro Bruno se machucou e foi substituído por Luciano.Nem estas vantagens foram aproveitadas pelo Botafogo, até os 37 minutos quando apareceu a individualidade de Leandrão. Ele driblou o zagueiro Émerson e chutou rasteiro, com a bola tocando na trave antes de entrar.Os dois times terão jogos difíceis na próxima rodada. O Gama vai pegar o Palmeiras, em São Paulo, dia 13. No mesmo dia, o Botafogo, no estádio Caio Martins, vai receber o Paulista, outro time que briga por uma vaga na próxima fase.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.