Raul Ramos/Ag. Botafogo
Raul Ramos/Ag. Botafogo

Botafogo bate Ferroviária em Araraquara e encerra jejum fora de casa

Vitória por 2 a 1 coloca o time de Ribeirão Preto na vice-liderança do Grupo D com seis pontos, um atrás do Santos

Estadão Conteúdo

29 Janeiro 2018 | 22h26

Depois de 10 meses sem vencer fora de casa - desde 26 de março contra o Red Bull Brasil, em Campinas (SP) -, o Botafogo quebrou o jejum ao derrotar a Ferroviária, de virada, pelo placar de 2 a 1, em partida disputada nesta segunda-feira, na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara (SP), pela quarta rodada do Campeonato Paulista.

+ Santo André e Mirassol empatam e continuam sem vencer no Paulistão

+ Ponte Preta bate São Bento e assume liderança do grupo no Paulistão

O resultado levou o Botafogo para a vice-liderança do Grupo D com seis pontos, um atrás do Santos. A Ferroviária, na zona de rebaixamento, terminou a rodada com apenas dois.

Pressionada devido aos maus resultados, a Ferroviária deu lampejos de que poderia vencer o Botafogo com facilidade. Logo aos 13 minutos, Hygor recebeu belo lançamento e desviou para Léo Castro, que pegou de primeira e desperdiçou a melhor chance do time da casa na etapa inicial.

O Botafogo, no entanto, foi equilibrando as ações, chegou a estar melhor em campo, mas não conseguiu ser muito enfático. O time de Ribeirão Preto (SP) ficou refém de uma jogada realizada aos 41 minutos. Em cobrança de falta de Dodô, Naylhor, em posição irregular, marcou. O lance, porém, acabou anulado pela arbitragem.

Na segunda etapa, a Ferroviária conseguiu se ajeitar no começo e saiu em busca do gol. Aos nove minutos, Velicka cruzou na medida para Hygor, que exigiu grande defesa de Tiago Cardoso. Na sobra, o atacante do time mandante mandou na trave.

Mas no lance seguinte não teve jeito. Moacir tabelou com Misael e chutou para o fundo das redes. O Botafogo foi deixar tudo igual aos 27 minutos. Bruno Moraes recebeu pelo lado direito de campo, cortou o defensor e chutou. A bola bateu em Patrick e enganou o goleiro Tadeu.

O gol animou o time de Ribeirão Preto, que saiu com tudo para o ataque. Aparentemente cansada, a Ferroviária viu o ritmo cair e acabou levando o gol da virada aos 44 minutos. Walfrido achou Jheimy dentro da área. O atacante driblou Luan e chutou para fazer 2 a 1.

Na próxima rodada, a quinta, o Botafogo enfrenta o São Paulo neste sábado, às 17 horas, no estádio do Morumbi, na capital paulista. A Ferroviária joga na próxima segunda-feira, às 20 horas, diante do Linense, no estádio Gilbertão, em Lins (SP).

FICHA TÉCNICA

FERROVIÁRIA 1 x 2 BOTAFOGO

FERROVIÁRIA - Tadeu; Alisson (Diogo Mateus), Luan, Patrick e Daniel Vançan; Bruno Silva, Velicka e Íkaro (Moacir); Misael, Léo Castro e Hygor (João Paulo). Técnico: PC Oliveira.

BOTAFOGO - Tiago Cardoso; Carlos Henrique, Naylhor, Plínio e Peri; Willian Oliveira, Serginho, Dodô, Danielzinho (Jheimy) e Mascarenhas (Bruno Rocha); Bruno Moraes (Walfrido). Técnico: Léo Condé.

GOLS - Moacir, aos 10, Bruno Moraes, aos 28, e Jheimy, aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÃO AMARELO - Willian Oliveira (Botafogo).

ÁRBITRO - Flávio Rodrigues de Souza.

RENDA - R$ 35.605,00.

PÚBLICO - 1.899 pagantes.

LOCAL - Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara (SP).

Mais conteúdo sobre:
Botafogo de Ribeirão Preto

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.