Botafogo bate Red Bull Brasil, fica perto da vaga e classifica o São Paulo

Tricolor do Morumbi fica com vaga após derrota do RB Brasil

Estadão Conteúdo

26 de março de 2017 | 21h10

O Botafogo colocou um pé na próxima fase do Campeonato Paulista. Na noite deste domingo, no encerramento da 11ª rodada, o time de Ribeirão Preto derrotou o Red Bull Brasil por 2 a 0, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, e está a um empate de selar a classificação.

O resultado levou o Botafogo aos 16 pontos, em segundo lugar do Grupo A, três na frente do Ituano, restando apenas uma rodada para ser realizada. O Red Bull, por outro lado, se manteve com 12 pontos, no Grupo B, e está eliminado. A derrota do time campineiro classificou o São Paulo, já que os paulistanos não podem mais ser alcançados nesta chave.

A vitória seria importante para ambos seguirem vivos na briga pela classificação. Por isso, o primeiro tempo foi de muita luta, estudo e poucas emoções. O Red Bull tentou tomar a iniciativa da partida, ficando mais com a posse de bola, mas esbarrou na forte marcação do adversário.

A única chance de gol veio, justamente, numa falha da defesa do time de Ribeirão Preto. Após furada de Filipe, Alison avançou e rolou para Rodrigo, que bateu colocado, mas errou o alvo por pouco.

No restante da primeira etapa, muitos passes no campo defensivo e apenas uma defesa. No final do primeiro tempo, Luan recebeu de Rodrigo e finalizou torto. Mesmo assim, a bola pegou força. Atento, Neneca caiu no canto esquerdo e mandou para escanteio.

A chance que o Botafogo tanto esperava para tentar decidir o jogo apareceu no começo do segundo tempo. Aos 10 minutos, Rafael Bastos tocou por cima da defesa e deixou Marcão na cara do gol. O centroavante ajeitou o corpo e finalizou para o fundo das redes. A bola ainda tocou em Lucas Taylor antes de entrar.

Com o jogo na mão, o Botafogo voltou a se fechar, mas desta vez encontrou mais espaço para atacar, já que o Red Bull se lançou todo para frente. Rafael Bastos teve a oportunidade de ampliar, mas errou o alvo por pouco.

No final, em contra-ataque, o Botafogo conseguiu ampliar. Wesley recebeu lançamento, cortou para o meio e finalizou de perna esquerda. A bola desviou na defesa e encobriu Daniel. O Red Bull ainda esboçou uma reação, mas assustou apenas em cobrança de falta de Dener, que explodiu no travessão.

Os dois times encerram a participação na primeira fase na próxima quarta-feira às 21h45. O Red Bull Brasil encara o Ituano, no Novelli Júnior, em Itu, enquanto o Botafogo recebe a Ferroviária, no Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

FICHA TÉCNICA:

RED BULL BRASIL 0 x 2 BOTAFOGO

RED BULL BRASIL - Daniel; Lucas Taylor, Anderson Marques, Luan Peres e Thallyson; Alison (Dener), Nando Carandina e Fillipe Soutto; Bruno Alves, Luan (Nixon) e Rodrigo (Elton). Técnico: Alberto Valentim.

BOTAFOGO - Neneca; Samuel Santos, Gualberto, Filipe e Fernandinho; Marcão Silva, Diego Pituca, Rafael Bastos (Bernardo) e Kauê (Rodrigo Thiesen); Marcão e Francis (Wesley). Técnico: Moacir Júnior.

GOLS - Marcão, aos 10, e Wesley, aos 39 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Raphael Claus.

CARTÕES AMARELOS - Alison e Nando Carandina (Red Bull Brasil).

PÚBLICO e RENDA - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.