Raul Ramos/Ag. Botafogo
Raul Ramos/Ag. Botafogo

Botafogo bate Santo André no ABC, se aproxima da vaga e afunda rival no Paulistão

Time de Ribeirão Preto fica três pontos à frente do Red Bull, adversário direto na luta pelo mata-mata

Estadão Conteúdo

03 Março 2018 | 21h26

O Botafogo deu um grande passo em direção à próxima fase do Campeonato Paulista. Com gol perto do final, o time de Ribeirão Preto derrotou o Santo André por 1 a 0, no estádio Bruno José Daniel, na noite deste sábado, no ABC, em jogo válido pela décima rodada da competição.

Com o resultado, o Botafogo chegou ao quinto jogo sem perder e chegou aos 15 pontos no Grupo D, três à frente do Red Bull, principal rival pela vaga nas quartas de final. O Santo André, por outro lado, ampliou seu jejum de vitórias para quatro partidas, é lanterna do Grupo B, com oito pontos, e está na zona de rebaixamento do Paulistão, acima apenas do Linense.

O Botafogo entrou em campo neste sábado com uma formação mais cautelosa, com o volante Serginho na vaga de Cafu, abandonando o esquema com três atacantes. Mesmo congestionando o meio-campo, o time visitante se sentiu mais à vontade e conseguiu controlar o jogo.

A superioridade, no entanto, não foi suficiente para que as chances de gol fossem criadas. A equipe de Ribeirão Preto não acertou os passes próximos da área e praticamente não assustou Neneca. Bruno Moraes, uma das esperanças de gol, pegou de primeira após cruzamento de Lucas Taylor, mas mandou longe.

Sem ser ameaçado, o Santo André também não ameaçou. Com dificuldades para encaixar uma boa sequência de passes, o time da casa irritou a torcida em alguns momentos por conta da lentidão na saída de bola. A oportunidade mais clara criada pelos donos da casa veio em jogada individual de Walterson. Ele recebeu com espaço e arriscou o chute, exigindo grande defesa de Tiago Cardoso.

O Santo André tentou aproveitar o bom final do primeiro tempo para embalar e voltou do intervalo com mais um atacante. A alteração não mudou em nada o panorama da partida. As duas equipes seguiram errando passes em demasia e os ataques praticamente não funcionavam.

Pressionado dentro da zona de rebaixamento, o Santo André encheu o time de atacantes, teve mais posse de bola, mas não conseguiu criar. A equipe abusou dos levantamentos para a área e a defesa do Botafogo levou vantagem sobre os atacantes.

A situação do Santo André ficou dramática quando Domingos sentiu a perna direita. Como o time já havia feito as três substituições, o zagueiro precisou ficar em campo no sacrifício.

Do campo de ataque, o defensor viu a equipe do ABC se complicar ainda mais aos 44 minutos, quando o Botafogo abriu o placar. Em contra-ataque, Dodô abriu para Lucas Taylor na direita. Dentro da área, o lateral encheu o pé no alto e não deu chances para Neneca.

Antes do apito final, Tiago Cardoso fez duas grandes defesas, primeiro em cabeçada de Lincom, depois em cobrança de falta de Joãozinho. E o machucado Domingos, após carrinho perigoso, atingiu Tiago Cardoso na cabeça e foi expulso.

Os dois times voltam a campo no meio de semana. O Santo André visita o Linense, na quarta-feira, às 17 horas, no estádio Gilberto Siqueira Lopes, em Lins. Na quinta-feira, o Botafogo volta ao ABC Paulista para encarar o São Caetano, às 19h15, no Anacleto Campanella.

FICHA TÉCNICA

SANTO ANDRÉ 0 X 1 BOTAFOGO

SANTO ANDRÉ - Neneca; Dudu Vieira, Domingos, Suéliton e Lorran; Flávio, Tinga (Guilherme Garré) e João Lucas (Joãozinho); Walterson (Aloísio), Hugo Cabral e Lincom. Técnico: Sérgio Soares.

BOTAFOGO - Tiago Cardoso; Taylor, Plínio, Naylhor e Mascarenhas; Serginho, Diones, Walfrido (Carlos Henrique) e Danielzinho (Cafu); Dodo e Bruno Moraes (Jheimy). Técnico: Léo Condé.

GOL - Lucas Taylor, aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Lorran e Dudu Vieira (Santo André); Carlos Henrique e Naylhor (Botafogo).

CARTÃO VERMELHO - Domingos (Santo André).

ÁRBITRO - Raphael Claus.

RENDA - Não disponível.

PÚBLICO - 4.541 presentes.

LOCAL - Estádio Bruno José Daniel, em Santo André (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.