Botafogo comemora mudança na tabela

O presidente do Botafogo, Bebeto de Freitas, disse prevaleceu o "bom senso" na decisão da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) de mudar o jogo contra o Marília, da manhã de domingo para a noite de sábado (21h40), mesmo horário da partida entre Palmeiras e Sport, ambos válidos pelo quadrangular final da Série B do Campeonato Brasileiro."Foi uma decisão importante. Está será uma rodada decisiva e as quatro equipes têm chances de classificação para a primeira divisão", afirmou Bebeto. O dirigente acredita que o Caio Martins estará novamente lotado e que o apoio da torcida será fundamental para o Botafogo obter a vitória. "Tivemos o estádio cheio durante toda a competição", lembrou.Nesta terça-feira, antes de ter a confirmação da mudança na tabela, o time chegou a treinar às 11 horas, buscando se adaptar ao horário. Os jogadores trabalharam durante duas horas sob a orientação do preparador físico Altamiro Bottino. Com a troca para sábado à noite, o técnico Levir Culpi mudou os treinos para às 17 horas, a partir de quinta-feira.Levir ainda não definiu como vai armar o Botafogo contra o Marília, mas admitiu que pode escalar o meia Almir entre os titulares."Ele é um jogador que decide e isso nos dá um grande poder ofensivo", disse o treinador.Por outro lado, Levir não poderá contar com o lateral-direito Márcio Gomes, machucado, e o lateral-esquerdo Jorginho Paulista, suspenso. "Vou decidir os substitutos nos treinos durante a semana", afirmou o treinador. A tendência é a de que Eliseu entre na direita e Daniel ocupe o lado esquerdo. O zagueiro Edgar, que cumpriu suspensão contra o Sport, na última rodada, volta à equipe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.