Botafogo derrota a Inter por 3 a 2

Depois de quatro meses o torcedor do Botafogo pôde comemorar uma vitória. O time venceu a Internacional, por 3 a 2, viu sua situação na repescagem do Campeonato Paulista ficar mais aliviada e deixou o time de Limeira com um pé na segunda divisão. O jogo aconteceu na noite desta quarta-feira, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. A vitória deixa o Botafogo com três pontos na tabela, enquanto a Inter ainda não somou pontos. A partida começou bastante equilibrada, mas sem muita emoção. Aos poucos o Botafogo foi se soltando em campo e passou a ter maior volume de jogo. Aos 19 minutos, Nem tocou e Saulo fez o primeiro do Botafogo. O gol acabou esfriando a partida, mas até o fim do primeiro tempo o Botafogo teve mais três chances de ampliar. A Internacional voltou do intervalo mais elétrica e logo aos oito minutos conseguiu empatar com o lateral Galego. Como o empate não servia para nenhum dos lados, os times passaram a atacar mais e o jogo ficou mais aberto. Com maior volume na parte ofensiva, o Botafogo contou com a estrela do meia Renê para sair de campo com os três pontos. Aos 28 minutos, ele fez o segundo, e aos 36, de pênalti, Renê, novamente, balançou as redes para o Botafogo. Aos 47 minutos, o lateral Galego, de falta, descontou para a Inter. Ficha Técnica: Botafogo: Douglas; Valentim, Márcio Pereira, Xandão (Eliel) e Leandro; Lico, Zé Antônio, Renê e Nem; Saulo (Marcio) e Pedrão (Gilmar Parrudo). Técnico: Basílio. Internacional: Oliveira (André); Max, Rogério e Ronaldo; Mantena, Rafael (Fabinho), Fabiano Negreiro, Silas e Galego; Waldson e Ferreira. Técnico: Vica. Gols: Saulo aos 19 do primeiro tempo. Galego aos oito, Renê aos 28 e aos 39 e Galego aos 47 minutos do segundo tempo. Árbitro: Rogério Pereira Pires. Cartão amarelo: Leandro, Waldson e Rogério. Cartão vermelho: Max. Local: Estádio Santa Cruz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.