Satiro Sodré/SSPress
Satiro Sodré/SSPress

Botafogo deve ter reforços no banco contra argentinos na Libertadores

Os dois jogadores já foram inscritos no torneio e treinaram normalmente nesta segunda-feira

AE, Agência Estado

10 de fevereiro de 2014 | 20h29

RIO - O Botafogo deverá ter Junior Cesar e Ronny, dois últimos reforços contratados pela equipe para a Libertadores, no banco de reservas da equipe na estreia na fase de grupos, nesta terça-feira, contra o San Lorenzo (Argentina), no Maracanã. Os dois jogadores já foram inscritos e treinaram normalmente nesta segunda-feira.

Na última atividade antes da partida, o técnico Eduardo Hungaro manteve a equipe que entrou em campo na vitória por 4 a 0 sobre o Deportivo Quito, na semana passada, e que garantiu o Botafogo na fase de grupos da Libertadores. Devem jogar: Jefferson; Edílson, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Jorge Wagner e Lodeiro; Walyson e Ferreyra.

No treino desta tarde o foco foi nas bolas paradas, com Jorge Warner e Edílson responsáveis pelos levantamentos. O meia é a grande arma do Botafogo na estreia desta terça-feira, às 20h, no Maracanã, pelo grupo 2 da Libertadores.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoCopa Libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.