Arquivo/AE
Arquivo/AE

Botafogo e Flamengo fazem mais um clássico decisivo

Time rubro-negro tenta se aproximar da ponta contra rival ameaçado pela queda; jogo é às 18h30 no Engenhão

Leonardo Maia, Agencia Estado

25 de outubro de 2009 | 08h43

O clássico entre Botafogo e Flamengo, neste domingo, às 18h30, no Engenhão, será extremamente importante. O time alvinegro busca a vitória para deixar a zona de rebaixamento e abrir vantagem. Os rubro-negros querem os três pontos para se colocarem definitivamente na briga pelo título brasileiro.

Veja também:

linkConcorrentes ao título encaram clássicos

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabelaClassificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Mas não é apenas no aspecto esportivo que a partida é crucial. O confronto será um teste de fogo para as autoridades cariocas e o Engenhão, que abrigará todos os grandes jogos dos clubes do Rio de Janeiro durante os próximos três anos, quando o Maracanã estiver em reforma para a Copa do Mundo de 2014.

A Polícia Militar garante que elaborou um bom plano para evitar confronto de torcedores nas cercanias do estádio, com suas ruas estreitas. Dentro dele, a garantia de que não há como os torcedores de um setor se encontrarem com os do outro. Mas o perigo é que muitos rubro-negros compraram ingressos para as áreas destinadas aos rivais, o que pode gerar tumulto nas arquibancadas.

O técnico botafoguense, Estevam Soares, já sentiu que a rivalidade com o Flamengo é grande em General Severiano e tenta conter a ansiedade de seus jogadores. Depois de poupar alguns jogadores na derrota para o Cerro Porteño, pela Copa Sul-Americana, o treinador terá todos os titulares para o clássico e deve manter o esquema com três homens no ataque: Victor Simões, Jobson e André Lima.

O técnico rubro-negro, Andrade, por sua vez, não poderá contar com o zagueiro Ronaldo Angelim e o volante Willians, suspensos, além do zagueiro Álvaro, machucado. A defesa será composta por Fabrício e Aírton. No meio de campo, Fierro é o favorito para ganhar uma vaga. A alternativa seria a entrada do atacante Denis Marques, com Zé Roberto atuando um pouco mais recuado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.