Botafogo e Gama: empate com oito gols

O Botafogo bem que tentou, mas não conseguiu eliminar a partida de volta da Copa do Brasil. O time carioca empatou com o Gama, por 4 a 4, no Estádio Bezerrão, em Brasília. Nem os dois gols do atacante Alex Alves, que segue na artilharia isolada da competição, foram suficientes para o Alvinegro conquistar a vitória. O Botafogo ignorou o fato de estar atuando fora de casa e abriu o placar logo no primeiro ataque. Aos 3 minutos, após cruzamento na área do Gama, o volante Fernando aproveitou a sobra e teve calma para marcar. Porém, nem deu tempo para a torcida carioca comemorar. Aos 7, Victor tocou para Rodriguinho empatar a partida. O mesmo Rodriguinho quase virou o marcador em jogada seguinte. O goleiro Jefferson fez bela defesa. Até que, aos 16 minutos, Rodriguinho cobrou falta e o zagueiro Émerson, de cabeça, desempatou. O Botafogo, então, resolveu reagir. O meia Camacho e o zagueiro João Carlos desperdiçaram ótimas oportunidades. De tanto insistir o Alvinegro conseguiu o seu segundo gol. Aos 22, Camacho tabelou com Valdo e bateu na saída do goleiro Osmair. E, aos 46, o atacante Alex Alves colocou a equipe carioca novamente na frente do placar. No segundo tempo, o Gama voltou disposto a igualar o placar mais uma vez. E obteve êxito aos 15 minutos com um gol de Goeber. Mas dois minutos depois Alex Alves marcou mais um para o Botafogo. O Alvinegro quase ampliou com Camacho. Ele cobrou falta no travessão. Aos 33, Victor empatou de novo, dando números finais ao jogo.

Agencia Estado,

24 de março de 2004 | 22h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.