'Botafogo é o time a ser batido na Série B', diz lateral

O lateral-esquerdo Carleto afirma que o Botafogo "é o time a ser batido" na Série B do Campeonato Brasileiro. E por isso pede atenção redobrada ao elenco. Nesta segunda-feira, ele disse que o time precisa esquecer a vitória fora de casa na estreia e se manter alheio à expectativa da torcida porque "ela não entra em campo".

Estadão Conteúdo

11 de maio de 2015 | 20h08

"Colocar a bola no chão e jogar em conjunto são o nosso forte. Precisamos deixar a correria e a empolgação para os adversários. A maioria vai nos enfrentar assim, porque encaram o Botafogo como o time a ser batido no Brasileiro", considerou.

Carleto pediu que a torcida marque presença nos jogos em casa, mas, ao mesmo tempo, não quer que a euforia contamine o elenco. "Peço que a torcida compareça ao jogo no sábado (diante do CRB, no Engenhão). Ela sabe que nossa equipe tem lutado e honrado a camisa. Todos os jogadores já entenderam o trabalho que vem sendo feito. Já jogamos num Maracanã com 60 mil pessoas, mas para nós o estádio é como se estivesse vazio. A torcida não entra em campo para jogar", afirmou.

O jogador também falou sobre a expectativa para os jogos fora de casa na Série B. "Sabemos que todos os jogos serão difíceis. Lá em Belém, além do calor e da umidade, a grama estava cobrindo a nossa chuteira e estava pesada. Mas o mais importante foi ver a equipe superando todas as adversidades. Nada melhor do que passar por cima de todas elas. Foi um bom teste e agora todos sabem o que teremos pela frente nessa caminhada", declarou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoCarleto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.