Botafogo e São Caetano ficam no empate no Anacleto Campanella

Time do ABC soma quatro jogos de invencibilidade, com 14 pontos. Equipe de Ribeirão Preto soma 16

Estadão Conteúdo

08 de março de 2018 | 21h26

O São Caetano recebeu o Botafogo na noite desta quinta-feira, no Estádio Anacleto Campanella, e não saiu de um empate sem gols, pela penúltima rodada do Campeonato Paulista.

+ Confira a tabela do Campeonato Paulista

O time do ABC Paulista, que já soma quatro jogos de invencibilidade segue na segunda colocação do Grupo B, com 14 pontos. Já o Botafogo é o vice-líder do Grupo D, com 16.

Sem o artilheiro Bruno Moraes, vetado por dores na coxa, o Botafogo ficou sem seu poderio ofensivo e acabou se tornando presa fácil para o São Caetano, que precisava de um pouco mais de esforço para abrir o marcador.

A primeira grande chance surgiu aos 35 minutos, quando Chiquinho levantou a bola na cabeça de Sandoval. O defensor subiu sozinho e mandou no travessão. Antes do apito final, Alex Reinaldo cruzou, ninguém desviou e a bola ficou no poste.

O Botafogo voltou mais ligado para o segundo tempo e enfim conseguiu ameaçar o São Caetano. Aos 11 minutos, Dodô cobrou falta para dentro da área e Max ia fazendo gol de joelho. O árbitro, no entanto, pegou impedimento de ataque e anulou o lance.

Mesmo assim, o Botafogo continuou melhor, pressionando o adversário. Aos 26 minutos, foi a vez de Paes salvar o São Caetano ao fazer uma grande defesa na tentativa de Dodô. A resposta veio com Ferreira, mas Tiago espalmou.

O Botafogo esboçou uma pressão nos minutos finais, mas o São Caetano acabou se segurando bem para sair com o empate.

Na última rodada, o Botafogo enfrenta o Corinthians no domingo, às 17h, no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. No mesmo dia e horário, o São Caetano visita o Bragantino no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

FICHA TÉCNICA:

SÃO CAETANO 0 x 0 BOTAFOGO

SÃO CAETANO - Paes; Alex Reinaldo, Sandoval, Max e Bruno Recife; Vinícius Kiss, Ferreira (Esley), Chiquinho e Niltinho (Nonato); Diego Rosa e Erminio (Stéfano Yuri). Técnico: Pintado.

BOTAFOGO - Tiago Cardoso; Lucas Taylor, Plínio, Carlos Henrique e Mascarenhas; Serginho (Marcos Martins), Walfrido, Diones, Danielzinho (Wesley) e Dodô; Jheimy (Cafu). Técnico: Léo Condé.

CARTÕES AMARELOS - Vinícius Kiss e Chiquinho (São Caetano); Serginho e Mascarenhas(Botafogo).

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira.

RENDA - R$ 14.570,00.

PÚBLICO - 1.882 pagantes.

LOCAL - Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.