Vitor Silva/Botafogo e Rafael Ribeiro/Vasco
Vitor Silva/Botafogo e Rafael Ribeiro/Vasco

Botafogo e Vasco iniciam disputa por vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil

Poucos dias após clássico pelo Brasileirão, rivais entram em campo novamente no Engenhão

Redação, Estadão Conteúdo

17 de setembro de 2020 | 07h54

Menos de uma semana depois de se enfrentarem pelo Campeonato Brasileiro, Botafogo e Vasco voltam a se encontrar na noite desta quinta-feira, a partir das 19 horas, no Engenhão. O jogo dessa vez é válido pela quarta fase da Copa do Brasil.

A partida de volta entre os dois times está marcada para a próxima quarta-feira, às 21h30, em São Januário. O gol fora de casa não vale como critério de desempate e quem passar para as oitavas de final embolsa mais R$ 2,6 milhões de premiação.

O chamado Clássico da Amizade já foi realizado 332 vezes, sendo 143 vitórias do Vasco contra 91 do Botafogo, além de 98 empates. A última vez que se encontraram foi no domingo passado, quando o time cruzmaltino ganhou por 3 a 2, pela décima rodada do Brasileirão.

Sem ganhar há cinco jogos - três empates e duas derrotas -, o Botafogo tenta deixar de lado a má campanha realizada no Brasileirão, onde está na zona de rebaixamento. Além disso, uma vitória aliviaria a pressão dos torcedores, que foram protestar na última terça-feira contra os jogadores.

A principal novidade no time titular do Botafogo será o retorno do marfinense Kalou, que atuou por apenas 45 minutos no clássico do último final de semana porque havia acabado de retornar de uma viagem para a França. Os atacantes Luis Henrique e Pedro Raul seguem de fora por contusão.

Muito mais tranquilo que o seu rival, tanto que está na quarta colocação do Brasileirão, com um jogo a menos que o líder Internacional, o Vasco espera dar seguimento ao bom momento vivido desde que Ramon Menezes assumiu o comando técnico.

Tudo indica que o treinador vai realizar apenas uma mudança em relação ao time que venceu o clássico do último domingo. O zagueiro Ricardo Graça não se recuperou de uma problema na coxa direita e vai dar lugar para Miranda.

Ainda nesta quinta-feira, Juventude e CRB se enfrentam às 16 horas, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. A partida de volta será na próxima terça, no Rei Pelé, em Maceió. Os times se enfrentaram há pouco mais de um mês, pela Série B do Brasileiro, e os gaúchos levaram a melhor por 2 a 1, em casa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.