Botafogo empata com o Mogi Mirim e segue ameaçado no Paulistão

Com o 1 a 1, time é o 14.º colocado, com 19 pontos, e ainda corre risco de rebaixamento para a Série A-2

AE, Agência Estado

09 de abril de 2011 | 18h19

O Botafogo perdeu uma grande chance de se garantir na elite do Campeonato Paulista de 2012, neste sábado, ao empatar com o Mogi Mirim por 1 a 1, no estádio Romildo Gomes Ferreira, em Mogi Mirim, pela 18.ª rodada, a penúltima da primeira fase. O gol dos donos da casa foi marcado por Ytalo, já aos 40 minutos do segundo tempo. Além disso, o time de Ribeirão Preto segue com o jejum de 21 anos sem vencer o adversário fora de casa.

Sem chances de classificação e de rebaixamento, o Mogi Mirim se encontra na zona intermediária, com 22 pontos. Enquanto isso, o Botafogo é o 14.º colocado, com 19 pontos, e ainda corre risco de disputar a Série A-2 na próxima temporada. Neste momento, a diferença para o Linense, primeiro da zona da degola, é de quatro pontos restando dois jogos para o time de Lins.

Precisando da vitória para afastar o risco de rebaixamento, o Botafogo teve maior posse de bola durante todo o primeiro tempo, mas não conseguiu chegar com perigo ao gol do Mogi Mirim. Quando parecia que ninguém iria abrir o placar, o time visitante balançou as redes aos 41 minutos. Andrezinho cobrou falta para dentro da área e o goleiro João Paulo foi atrapalhado por Anselmo, deixando a bola entrar. Os donos da casa assustaram apenas em chutes de fora da área de Roberto Jacaré, mas esbarrou em boas defesas de Julio Cesar.

Em vantagem no marcador, o Botafogo voltou para a etapa final se preocupando apenas em se defender e tentando assustar no contra-ataque, mas constantemente errava o último passe. De tanto insistir, o Mogi Mirim chegou ao empate faltando cinco minutos para o final do jogo. Ytalo acertou um lindo chute de fora da área e a bola foi no ângulo do goleiro Júlio Cesar. No último lance, o atacante Anselmo tentou encobrir João Paulo e mandou por cima do gol, adiando a permanência do time de Ribeirão Preto na elite.

Apenas cumprindo tabela, o Mogi Mirim encerra a sua participação no Paulistão no próximo domingo, quando enfrenta o Bragantino, às 16 horas, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. No mesmo dia e horário, o Botafogo recebe o Mirassol, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, para garantir a permanência na elite.

MOGI MIRIM - 1 - João Paulo; Maisena, Audálio, Tiago Alves e Cleidson; Val (Bruno de Jesus), Baraka, João Paulo Gomes (Ytálo) e Geovanne; Roberto Jacaré (Cristiano) e Denílson. Técnico: Guto Ferreira.

BOTAFOGO - 1 - Julio Cesar; Dida, Demerson, Gabriel e Andrezinho, Leandro Carvalho, Chicão, João Victor (Moacir) e João Henrique (Assis); Assisinho (Paulinho) e Anselmo. Técnico: Argel Fucks.

Gols - Andrezinho, aos 41 minutos do primeiro tempo; Ytálo, aos 40 minutos do segundo tempo; Cartões amarelos - Tiago Alves e Geovanne (Mogi Mirim); Gabriel e João Victor (Botafogo); Cartão vermelho - Bruno de Jesus (Mogi Mirim); Árbitro - Flávio Rodrigues de Souza; Renda e público - Não disponíveis; Local - Estádio Romildo Gomes Ferreira, em Mogi Mirim (SP).

Veja também:

PAULISTÃO - tabelaClassificação | listaResultados

especialCALENDÁRIO - O caminho de cada time 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPaulistãoMogi MirimBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.