Vitor Silva/SSPress
Vitor Silva/SSPress

Botafogo exibe novo patrocínio e se cala sobre polêmica

Companhia norte-americana terá a sua logomarca estampada na barra frontal da camisa botafoguense e no omoplata

Agência Estado

09 de janeiro de 2014 | 14h13

RIO - O Botafogo anunciou oficialmente nesta quinta-feira, no Rio, a parceria que firmou com a empresa de telefonia TelexFREE. A companhia norte-americana terá a sua logomarca estampada na barra frontal da camisa botafoguense e no omoplata dos uniformes do time até o final desta temporada. Os números do acordo não foram revelados, mas o clube informou que o patrocínio será expandido para os esportes olímpicos (remo e natação) e irá apoiar projetos sociais no futebol de areia.

O clube festejou o acordo com a empresa, dois dias depois de ter anunciado a renovação de contrato de patrocínio com a Vita 44, empresa do setor de bebidas não alcoólicas por um ano. Essa empresa, no caso, exibe as suas marcas Guaraviton e Guaravita no uniforme do time desde 2011.

"Um momento novamente festivo no Botafogo à medida que conclui parceria muito importante para o clube. O Botafogo está muito orgulhoso dessa parceria. Acreditamos que o Botafogo ajudar muito a empresa a entrar no mercado nacional, crescer e manter. É isso que o clube tem demonstrado em suas parcerias. A outra vertente é um projeto do Botafogo de internacionalizar a marca. Estamos namorando o mercado americano há um tempo e a TelexFREE pode nos ajudar a nos aproximarmos. Se olharem a base internacional da empresa, podem imaginar onde o Botafogo chegará", ressaltou o diretor-executivo do Botafogo, Sergio Landau.

No evento de apresentação do novo patrocinador, porém, o Botafogo não escapou de comentar a polêmica que envolve TelexFREE, que em julho de 2013 teve suas operações bloqueadas judicialmente no Brasil depois de ser denunciada pelo Ministério Público do Acre (MP-AC) por suspeita de atuar sob esquema de pirâmide financeira.

O Botafogo, porém, preferiu se calar ao ser questionado sobre o assunto. "É uma empresa com sede nos Estados Unidos e acompanhamos na imprensa a questão no problema do Acre. O Botafogo não irá se manifestar, apenas eles (integrantes da companhia). Podemos dizer que a empresa é legalizada na Anatel e, com isso, pronta tecnicamente para operar. Outras questões serão respondidas por eles", disse Landau.

A TelexFREE, que também é uma gigante no mercado de tecnologia e publicidade, está presente em mais de 60 países hoje e teve a parceria firmada com o Botafogo comemorada pelo seu presidente, James Merrill. "Não precisa entender português para entender a paixão dos brasileiros pelo futebol. É muito prazeroso para a TelexFREE Internacional estar no Botafogo, não só dentro do Brasil, mas nos Estados Unidos e no mundo inteiro. A nossa empresa é nova perante ao Botafogo, mas vamos ficar em parceria por muitos anos", afirmou o executivo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogopatrocinador

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.