Botafogo festeja liderança, mas admite que perdeu chance de vencer

O Botafogo deixou a Fonte Nova, no último sábado, com sensações diferentes. O time celebrou a manutenção da liderança da Série B e a boa atuação de jovens jogadores em um estádio lotado, mas também avaliou que poderia até ter conquistado a vitória, pois abriu 1 a 0, mas acabou cedendo o empate ao Bahia, no duelo válido pela 14ª rodada, como destacou o técnico interino Jair Ventura.

Estadão Conteúdo

26 de julho de 2015 | 09h52

"A gente estava comentando que esse tipo de jogo que dá maturidade aos garotos, serve para crescerem como profissionais. Foi muito bom e a torcida do Bahia lotou. Tivemos chance de matar o jogo. Eles optaram por um time muito ofensivo e acabaram deixando a desejar um pouco na parte defensiva. Nós buscamos explorar isso e conseguimos fazer 1 a 0. Tivemos também a chance de matar o jogo, o que não aconteceu. O mais importante é que continuamos na liderança", disse.

O interino defendeu a sua opção por escalar um time mais defensivo, destacando a força do Bahia como mandante, e apontou que o objetivo de manter o Botafogo na liderança da Série B foi alcançado com o empate por 1 a 1.

"O ponto conquistado fora de casa sempre tem que ser comemorado. O Bahia vinha de seis jogos seguidos com vitórias dentro de casa. Nós esperávamos um jogo difícil. Eles contam com quatro camisas 9 no elenco, um time experiente. Lógico que o Botafogo joga para ganhar e alguns podem ter me achado retranqueiro quando viram a escalação. Mas não é assim gente, jogamos dentro das condições de cada adversário", afirmou.

Apesar de Ricardo Gomes já ter sido contratado pelo Botafogo, o treinador ainda não dirigiu o time diante do Bahia. Jair Ventura garantiu que o treinador será muito bem recebido e encontrará um elenco qualificado para a sequência da Série B.

"O ambiente de trabalho do Botafogo é maravilhoso, com profissionais excelentes. Todos tentam dar o seu melhor e o Ricardo Gomes vai receber um grupo muito bom, com jogadores obedientes taticamente e que vão respeitar o trabalho dele. O Ricardo não terá problemas com os jogadores e com o staff do clube", comentou.

O empate com o Bahia levou o Botafogo aos 28 pontos, na liderança da Série B. O time volta a entrar em campo na próxima terça-feira, em duelo válido pela 15ª rodada.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BBotafogoJair Ventura

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.