Botafogo ganha em São Caetano

O Botafogo derrotou o São Caetano por 2 a 1, nesta quarta-feira, no estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. A equipe carioca esteve perto de conseguir a vaga na próxima fase da Copa do Brasil sem precisar do jogo de volta, pois chegou a estar vencendo por 2 a 0. Agora, os dois times voltam a se enfrentar dia 26, no Rio de Janeiro.Apesar da derrota, as melhores chances de gol foram do São Caetano. Logo aos 6 minutos, Anaílson fez jogada individual e chutou cruzado, à esquerda do goleiro Max. Apesar do domínio dos donos da casa, foi o Botafogo quem saiu na frente. Aos 14 minutos, Fábio superou Rafael e chutou prensado. No rebote, o mesmo Fábio tocou por cobertura e marcou um golaço.Logo depois do primeiro, o Botafogo quase marca o segundo. Após cruzamento da direita, Fábio subiu sozinho e cabeceou para baixo, mas o goleiro Luciano fez boa defesa. A partir daí, o São Caetano dominou o jogo e perdeu duas grandes chances. Aos 24, Fábio Santos aproveitou cruzamento para cabecear forte, mas Max evitou o empate. Aos 42, o zagueiro Marco Aurélio foi derrubado por Allan dentro da área. Pênalti que Zé Carlos mandou a bola no travessão.Na etapa final, nada mudou. O São Caetano continuou criando boas chances para marcar, mas foi o Botafogo quem fez o gol. Aos 13 minutos, em rápido contra-ataque, Fábio cruzou rasteiro e Márcio Gomes, sozinho, marcou 2 a 0.Como o resultado eliminava o São Caetano da Copa do Brasil, o time partiu para o desespero. E, num chute de longa distância de Marcinho, aos 18 minutos, a bola desviou no zagueiro e enganou o goleiro Max, salvando o time do ABC paulista do vexame da eliminação em casa. No final, o próprio técnico Mário Sérgio reconheceu: "Jogamos mal, muito mal".Ficha técnica:São Caetano: Luciano; Rafael (Daniel Bueno), Edson Batatais, Marco Aurélio e Zé Carlos (Mateus); Ramalho, Luis Carlos Capixaba, Fábio Santos e Anaílson; Marcinho e Adhemar. Técnico: Mário Sérgio.Botafogo: Max; Márcio Gomes(Rodrigo Fernandes), Gilmar, Allan e Renatinho; Carlos Alberto, Fernando, Valdo, Almir e Camacho (Túlio); Fábio. Técnico: Levir Culpi.Gols: Fábio, aos 14 minutos do primeiro tempo; Márcio Gomes, aos 13, e Marcinho, aos 18 do segundo.Árbitro: Giuliano Bozzano (SC).Cartão amarelo: Fernando, Márcio Gomes, Marcinho e Allan.Cartão vermelho: Marco Aurélio.Local: Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.