Botafogo joga contra o Santos em clima de decisão

Um autêntica final de Campeonato Brasileiro. É assim que o Botafogo encara o jogo deste sábado, às 18h20, contra o Santos, no Engenhão. O motivo: até um empate pode enterrar o sonho do clube carioca de conseguir uma vaga na Copa Libertadores da América.?Precisamos continuar jogando bem e a partida contra o Santos será fundamental para nossas pretensões?, disse o técnico Ney Franco, que fez mistério em relação à escalação da equipe, a fim de não dar armas para o adversário.Para o volante Túlio, apesar de o Botafogo estar melhor colocado no Brasileiro, não há favoritismo nesse jogo, considerado por ele como muito difícil. ?É um clássico regional. Vamos correr e nos dedicar ao máximo para conseguir uma vitória?.Sobre o fato de o Santos jogar sem Kléber Pereira, Túlio minimizou e aproveitou para elogiar o time da Vila Belmiro. ?O Kléber Pereira é sempre muito perigoso, não é a toa que é o artilheiro do campeonato. Mas o Santos possui bons reservas e poderá repor sua ausência?, disse.O meia Carlos Alberto e o atacante Jorge Henrique, que haviam sido punidos com rigor pela Justiça Desportiva, conseguiram efeito suspensivo e vão enfrentar o Santos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.