Botafogo: Lúcio Flávio é poupado, mas joga o clássico

Meia sente dores na coxa direita; técnico Cuca diz que atleta não será problema para a equipe

Redação,

11 de abril de 2008 | 20h17

O torcedor que acompanhou o treino do Botafogo na Granja Comary, neste sábado, em Teresópolis, deve ter ficado preocupado. Lúcio Flávio não participou do coletivo preparatório para a semifinal da Taça Rio contra o Flamengo, domingo, no Maracanã.O meia sente dores no músculo adutor da coxa direita, mas o técnico Cuca garante que Lúcio Flávio, peça fundamental do esquema alvinegro, estará em campo. Segundo o treinador, ele foi apenas poupado por precaução. "Não vamos forçar ninguém. Não viemos aqui (para Teresópolis) para treinar exaustivamente. Nosso objetivo era buscar o máximo de concentração", disse Cuca.A iniciativa dá a medida da importância da partida para o Botafogo, ainda engasgado com o rival por ter perdido os títulos do Estadual do ano passado e a Taça Guanabara deste ano. "Temos que manter o foco totalmente neste jogo", comentou o técnico.Quem treinou na vaga de Lúcio foi o volante Túlio Souza. A boa notícia foi o retorno de outro cabeça-de-área. Leandro Guerreiro, que sofreu cirurgia na região pubiana e volta aos poucos à melhor forma física. Ele participou tão bem do coletivo que Cuca vai relacioná-lo para o banco de reservas. "Estou muito feliz por voltar a jogar e não sentir mais as dores no púbis. Foram quatro longos meses de muito esforço e tratamento", comemorou Leandro, que não pensa por enquanto em recuperar a titularidade. "O Diguinho e o Túlio estão muito bem. Estou apenas começando minha temporada, com quatro meses de atraso.""Leandro Guerreiro foi fundamental ano passado e a sua volta nos dá mais opções para escalar o time. Ele está bem fisicamente, mas sem ritmo de jogo. Vou utilizá-lo da melhor maneira possível", adiantou Cuca.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.