Botafogo luta contra o desmanche

A partir de amanhã, o técnico Lori Sandri terá muito trabalho no Botafogo, principalmente no lado psicológico. Talvez seja, também, sua última semana no comando do time, pois os boatos sobre sua transferência para o Internacional de Porto Alegre voltaram com maior intensidade. Sandri, quando questionado, desmentiu e afirmou que tem contrato com o clube ribeirão-pretano até o final de junho. Alguns jogadores também foram procurados. A possível saída de Sandri é comentada há uma semana. Mas, para não desviar a atenção do grupo na decisão do Campeonato Paulista, ele preferiu afirmar que não tinha propostas. Depois de alguns dias, mencionou que iria estudar algumas ofertas após a competição. O interesse de outros clubes por jogadores também existe. O São Paulo já procurou Leandro e Chris afirma ter proposta do exterior.O volante Douglas já negocia sua transferência para o Atlético-PR e o goleiro Doni, de 21 anos, também deve sair. Dois clubes estariam interessados em Doni: São Paulo (que pode ficar sem Rogério Ceni) e Corinthians (Maurício não inspira confiança e já é veterano)."Não tive contato com ninguém e só ouvi boatos pela imprensa há uns 15 dias", comentou o goleiro, referindo-se ao possível interesse do Corinthians, o adversário da final.Doni, que hoje ficou quase todo o dia em casa, descansando e assistindo a gravação do jogo da véspera, ainda confia na possibilidade do Botafogo conquistar o título e evita falar em negociação. "Se tiver uma proposta real, vou estudar", disse ele. Com contrato até dezembro, o goleiro diz que sai de Ribeirão Preto se um acordo for bom para ele e para o clube. O presidente botafoguense, Ricardo Christiano Ribeiro, não quis manifestar-se sobre as negociações.Com essas especulações e precisando reverter a derrota por 3 a 0, no Morumbi, no final de semana, Sandri terá de mostrar mais que otimismo aos jogadores. "Fácil não é, mas temos que jogar futebol", explicou ele, depois da derrota. "Vamos buscar alternativa para fazer um bom jogo em São Paulo e terminar a competição com dignidade." Somente os jogadores que não atuaram ontem treinaram na tarde de hoje. Sandri não compareceu no clube.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.