Botafogo/Twitter
Botafogo/Twitter

Botafogo passa fácil pelo Cuiabá e avança à terceira fase da Copa do Brasil

Time carioca garante classificação com vitória por 3 a 0, no Engenhão

Redação, Estadão Conteúdo

27 de fevereiro de 2019 | 23h50

Em uma atuação de gala da dupla Erik e Rodrigo Pimpão, o Botafogo garantiu a classificação para a terceira fase da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira ao vencer o Cuiabá, por 3 a 0, no Engenhão. A partida também marcou a estreia de Cícero com a camisa alvinegra.

Na terceira fase, o Botafogo vai enfrentar quem passar de Juventude e América-MG, que jogam nesta quinta-feira, em Caxias do Sul (RS). De quebra, o time carioca recebe uma premiação de R$ 1,45 milhão.

Apesar da forte chuva que caía no Rio de Janeiro, a partida começou movimentada no Engenhão. Depois do Cuiabá ter desperdiçado um bom contra-ataque, o Botafogo respondeu através de Marcelo Benevenuto. O zagueiro recebeu dentro da área e soltou a bomba para defesa de Victor Souza.

Aos 27, Rodrigo Pimpão recebeu de Leo Valencia e finalizou cruzado com muito perigo. Na sequência, foi a vez de Kieza assustar através de uma bicicleta que passou raspando a trave. O Botafogo pressionava o Cuiabá em busca do primeiro gol, mas não conseguia acertar o alvo.

E quando parecia que o primeiro tempo terminaria empatado, o Botafogo abriu o placar aos 45 minutos. Leo Valencia recebeu de Rodrigo Pimpão e cruzou rasteiro. O rápido Erik se antecipou ao zagueiro e completou para o gol de carrinho. Logo depois, Augustín Gutierrez assustou Gatito Fernández em chute por cima.

Na volta do segundo tempo, o Botafogo escapou por pouco de sofrer o empate aos quatro minutos. Augustín Gutierrez cruzou e Eduardo Ramos bateu de primeira. Gatito Fernández só torceu e viu a bola sair raspando a trave. O time carioca parecia disposto a explorar o contra-ataque para liquidar o jogo.

Júnior Todinho recebeu dentro da área, mas na hora da finalização bateu fraco nas mãos de Gatito Fernández. Aos 19, o experiente Cícero fez sua estreia com a camisa alvinegra entrando no lugar de Alex Santana. O Cuiabá seguia pressionando. Danilo chutou e o goleiro botafoguense espalmou.

A tática de apostar no contra-ataque deu certo aos 27 minutos. Rodrigo Pimpão desceu em velocidade, tabelou com Kieza e bateu rasteiro para fazer o segundo do Botafogo. Aos 36, Pimpão foi puxado por Escobar dentro da área e o árbitro assinalou pênalti, convertido por Erik.

Nos minutos finais, a torcida alvinegra passou a gritar "olé" a cada troca de passe. O gol de honra dos visitantes só não veio com Eduardo Ramos porque Gatito Fernández fez grande defesa. Nos acréscimos, Douglas Mendes deu um empurrão em Rodrigo Pimpão e foi expulso.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 3 X 0 CUIABÁ

BOTAFOGO - Gatito Fernández; Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel e Jonathan; Gustavo Bochecha (Jean), Alex Santana (Cícero) e Léo Valencia; Erik, Rodrigo Pimpão e Kieza (Luiz Fernando). Técnico: Zé Ricardo.

CUIABÁ - Victor Souza; Weriton, Danrley (Douglas Mendes), Edson Borges e Danilo; Escobar, Alê e Eduardo Ramos; Augustín Gutierrez (Matheus Pato), Júnior Todinho e Caio Dantas. Técnico: Itamar Schülle.

GOLS - Erik, aos 45 minutos do primeiro tempo; Rodrigo Pimpão, aos 27, e Erik, aos 36 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - André Luiz de Freitas Castro (GO).

CARTÕES AMARELOS - Rodrigo Pimpão, Leo Valencia, Jean, Gabriel e Marcinho (Botafogo); Eduardo Ramos, Escobar e Danrley (Cuiabá).

CARTÃO VERMELHO - Douglas Mendes (Cuiabá).

RENDA - R$ 136.633,00.

PÚBLICO - 6.407 pagantes (7.218 total).

LOCAL - Estádio Engenhão, no Rio (RJ).

Tudo o que sabemos sobre:
Copa do BrasilBotafogoCuiabá [MT]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.