Botafogo: PC Gusmão dá dura geral

O treino realizado nesta quarta-feira pela manhã, em General Severiano, começou em ritmo lento. A equipe reserva e a titular pareciam sonolentas em campo. Irritado com a falta de empenho, o técnico do Botafogo, Paulo César Gusmão, paralisou o coletivo e deu uma bronca nos jogadores. A partir daí, segundo o treinador, houve uma "entrega geral" dos atletas e o resultado foi satisfatório.Na opinião de PC Gusmão, treino é igual a jogo e, por isso, precisa ser encarado com muita seriedade. "O treino começou sonolento e tive que estimulá-los de forma mais firme e enérgica e, aí sim, os jogadores renderam bem", declarou o treinador, para, em seguida, completar: "É que nem a gente faz com os nossos filhos. Tem a hora do carinho e a hora de dar bronca. Nada é para menosprezá-los. É para cobrar de quem tem qualidade."Em relação ao clássico de domingo, contra o Vasco, em São Januário, a diretoria do Botafogo soube nesta quarta que apenas 2.600 ingressos serão reservados para seus torcedores. Os convites vão ser vendidos a partir desta quinta, na sede do clube, em General Severiano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.