Botafogo perde de virada e é eliminado da Taça Guanabara

O Botafogo está eliminado da fase semifinal da Taça Guanabara (primeiro turno do Campeonato Carioca). A equipe alvinegra perdeu de virada, neste sábado, para o Boavista, por 3 a 2, em Saquarema, e estragou o primeiro dia de Carnaval dos seus torcedores. Com a derrota - a primeira em 2007 -, o clube de General Severiano ficou em terceiro lugar no Grupo A, com oito pontos.Dizer que o Botafogo fez um ótimo primeiro tempo é um exagero. Mas jogou o suficiente para ir ao vestiário, no intervalo, com o placar de 2 a 1 a seu favor. E pode até reclamar de um gol mal anulado pelo árbitro Wagner dos Santos Rosa.O zagueiro Juninho fez, de cabeça, 1 a 0 para o Botafogo, aos 4 minutos. A resposta do Boavista foi rápida. O volante Thiaguinho, aos 6, empatou a partida. O sistema defensivo alvinegro falhava muito e, por pouco, a equipe de Saquarema não fez o segundo.O Botafogo se recompôs e equilibrou a partida. Surgiu, então, o lance polêmico. O árbitro anulou erradamente um gol feito por Zé Roberto. Na tentativa de afastar a bola da sua área, Thiaguinho errou o chute, o meia do Botafogo ganhou a jogada com raça e balançou a rede. O juiz assinalou falta do atleta alvinegro.Pouco tempo depois, o time do técnico Cuca fez o segundo, em cobrança de falta do atacante Dodô. O artilheiro tem um marca impressionante nesse início de temporada: quatro gols em quatro jogos disputados com a camisa do Botafogo em 2007.A vitória estava desenhada, mas o Botafogo teve um segundo tempo trágico. O lateral-esquerdo Paulo Rodrigues empatou o confronto aos 13 minutos em cobrança de falta, contando com a falha do goleiro Max. Com a necessidade de vencer para se classificar, o Botafogo se desesperou e foi castigado.Pagou caro por expor uma defesa totalmente vulnerável. Aos 31, o atacante Flávio Santos fez 3 a 2, de virada. Em Bangu, o Madureira goleou o Flamengo, por 4 a 1. A combinação de resultados não ajudou. Portanto, o Alvinegro está fora da fase decisiva da Taça Guanabara.Ficha técnica: Boavista 3 x 2 Botafogo Boavista - Erivélton; Arílson, Glauber, Váldson e Paulo Rodrigues (Wagner); Tiaguinho, Fabiano Cabral, Everton e Anselmo (Fraser); Flávio Santos e Rodrigão (Alex Alves). Técnico: Gaúcho. Botafogo - Max; Flávio (André Lima), Juninho, Asprilla e Xavier (Ricardinho); Leandro Guerreiro, Túlio, Diguinho (Lúcio Flávio), Zé Roberto; Jorge Henrique e Dodô. Técnico: Cuca. Gols - Diguinho, aos 4; Thiaguinho, aos 6; e Dodô, aos 37 minutos do primeiro tempo. Paulo Rodrigues, aos 13; e Flávio Santos, aos 31 minutos do segundo tempo. Árbitro - Wagner dos Santos Rosa. Cartão amarelo - Flávio, Lúcio Flávio, Dodô, Paulo Rodrigues e Thiaguinho. Renda e público - Não disponíveis. Local - Estádio Eucyr Resende de Mendonça, em Saquarema - Região dos Lagos - (RJ).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.