Jorge Henrique/AG A Tarde
Jorge Henrique/AG A Tarde

Botafogo perde em Sergipe para o River Plate na estreia da Copa do Brasil

A equipe carioca levou o gol da derrota no final da segunda etapa e, agora, terá de vencer no Rio

AE, Agência Estado

23 de fevereiro de 2011 | 21h56

Não poderia ter sido pior o primeiro passo do Botafogo rumo a um título inédito em sua história. Na estreia na Copa do Brasil, o time alvinegro foi atrás de uma vitória por dois gols de diferença sobre o River Plate-SE, mas voltou de Aracaju com um revés de 1 a 0.

O resultado obriga a equipe de Joel Santana a vencer a partida de volta por dois ou mais gols de diferença, na próxima quarta-feira, no Engenhão. Vitória por diferença mínima com os visitantes marcando um gol dá a classificação aos sergipanos.

"Camisa não ganha jogo. Dentro de campo são onze contra onze e não temos nada a temer. Foi o que falei para os meus companheiros", exultou Váldson, ao fim do jogo. Ele mesmo, um ex-jogador do time alvinegro carioca, agora no River.

Sem inspiração e criatividade, o time carioca pouco criou na primeira etapa. Depois de um início de certa pressão, os alvinegros diminuíram o ritmo e pouco ameaçaram o gol de Max. As únicas duas oportunidades mais nítidas foram desperdiçadas por Loco Abreu.

Aos 10 minutos, ele matou no peito o cruzamento de Alessandro e soltou um forte chute, defendido por Max. Mais tarde, aos 26, Bruno Tiago cruzou e a bola sobrou para Abreu finalizar. A zaga afastou o lance de perigo.

"Temos que tratar melhor a bola. Temos mais qualidade e precisamos ter mais capricho no passe para dar oportunidade para os atacantes", cobrava Abreu, na saída para o intervalo.

Com Everton no lugar de Márcio Azevedo, Joel buscava mais ofensividade, mas faltava brio e disposição aos botafoguenses, que viam o River gostar mais e mais do jogo.

Logo a 50 segundos, Bibi perdeu gol feito, sozinho dentro da pequena área. A partida caiu em um terrível marasmo até que Bebeto Oliveira completou no contrapé de Jefferson, aos 41, e selou a inesquecível vitória do modesto time sergipano em sua primeira participação no torneio nacional.

River Plate-SE - 1 - Max; Glauber, Váldson, Bebeto e Pedrinho; Wallace, Fernando Pilar (Lucas), Bruno Ramos e Eder Richartz (Fábio Júnior); Bebeto Oliveira e Bibi (Claudinei). Técnico - Ailton Silva.

Botafogo - 0 - Jefferson; Rodrigo Mancha, Antônio Carlos e Márcio Rosário; Alessandro, Bruno Tiago, Somália, Renato Cajá (Caio) e Márcio Azevedo (Everton); Herrera e Loco Abreu. Técnico - Joel Santana.

Gols - Bebeto Oliveira, aos minutos 41 do 2º tempo. Cartões amarelos - Eder, Váldson, Bruno Ramos, Bebeto Oliveira, Bibi, Somália, Antônio Carlos, Márcio Rosário, Herrera.

Juiz - Marielson Alves Silva (BA).

Local - Estádio Lourival Baptista, o Batistão, em Aracaju. Renda e público - não disponíveis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.