Botafogo pode ter Jobson como uma arma contra Goiás

O Botafogo deve contar com o reforço do atacante Jobson por pelo menos 20 minutos no jogo contra o Goiás, nesta quinta-feira, às 19h30, no estádio do Maracanã, no Rio, pela 24.ª rodada do Campeoinato Brasileiro. O atleta vai ficar no banco de reservas e a sua entrada no decorrer da partida está praticamente definida. O time tem de vencer para "respirar" um pouco na tabela de classificação - está muito ameaçado de rebaixamento.

Estadão Conteúdo

25 Setembro 2014 | 07h16

Já entre os titulares, o atacante Emerson está confirmado. Ele só vai ser julgado na semana que vem pela expulsão na partida contra o Bahia (no último dia 17, no Maracanã)), na qual fez uma falta desleal e depois de receber cartão vermelho se dirigiu a um cinegrafista para criticar a CBF. O jogo desta quinta pode até marcar a sua despedida do clube. Isso porque ele corre o risco de ser punido com suspensão de 18 partidas, o que o deixaria fora do restante do Brasileirão.

Para o técnico Vagner Mancini, sob pressão pelos últimos resultados do Botafogo, a motivação do Goiás, que aplicou goleada história (6 a 0) no Palmeiras no fim de semana, pode ser outro obstáculo ao time alvinegro. Ele não contará com o volante Airton, suspenso nesta quarta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por dois jogos por causa de um pisão em Alexandre Pato, do São Paulo (em duelo disputado no último dia 10, em Brasília).

Em compensação, o argentino Bolatti volta à equipe e isso é garantia de mais estabilidade no setor de contenção e proteção à zaga.

Mais conteúdo sobre:
futebol Brasileirão Botafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.