Botafogo quer surpreender novamente como visitante

Três pontos acima da zona de rebaixamento, o Botafogo entrará em campo neste domingo, às 18h30, para encarar o Cruzeiro, no Mineirão, ao mesmo tempo em que Náutico e Santo André - que podem superá-lo na tabela - também jogam fora de casa. A ordem, portanto, é ignorar os adversários e se concentrar no próprio objetivo: ser novamente a surpresa da rodada e derrotar os mineiros, que ainda alimentam esperanças de alcançar a zona de classificação para a Libertadores.

AE, Agencia Estado

18 de outubro de 2009 | 08h52

O técnico Estevam Soares utiliza os números para motivar seus jogadores. O time alvinegro vem colhendo melhores resultados fora de seus domínios. São 52% de aproveitamento longe do Engenhão. Nas duas últimas rodadas como visitante, empate em 0 a 0 com o Santos, na Vila Belmiro, e vitória sobre o Goiás, por 3 a 1, no Serra Dourada. Os botafoguenses garantem que manterão a postura ofensiva.

"Nosso espírito precisa ser de uma equipe vencedora. Temos de ir ao Mineirão para ganhar, pois, a essa altura do campeonato, o empate não nos interessa mais", prometeu o atacante Reinaldo, que está sob risco de perder a condição de titular. Ele foi mal no empate com o Avaí e viu Victor Simões entrar no segundo tempo para fazer os dois gols.

Tudo dependerá de Estevam, que não sabe se mantém o esquema com três homens de frente ou reforça a marcação no meio de campo. De toda a forma, a tendência é que Reinaldo seja barrado. Na zaga, mudança completa. Juninho e Wellington, suspensos, não jogam. Emerson e Teco devem formar a dupla defensiva. Leo Silva, impedido de atuar por conta do contrato de empréstimo do Cruzeiro, dá lugar a Fahel.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato BrasileiroBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.