Botafogo quer vitória fora para se manter vivo por G4

Contra o Internacional, na última rodada, o Botafogo queria a quarta vitória seguida. Conseguiu apenas um empate em casa, mas o resultado não desanimou os jogadores, que acreditam: ainda dá para ser campeão. Neste domingo, a equipe enfrenta a Ponte Preta, às 18h30, em Campinas. O Botafogo usa seu próprio insucesso no passado como esperança para uma conquista no Campeonato Brasileiro deste ano.

AE, Agência Estado

16 de setembro de 2012 | 08h49

"Nos últimos dois anos, começamos bem e paramos no final", disse o goleiro Jefferson. Ele espera que aconteça o mesmo com Fluminense e Atlético Mineiro. "Vamos inverter a situação este ano, com uma boa arrancada na reta decisiva. Enquanto houver chances matemáticas, vamos atrás do campeonato porque é possível. A Libertadores será foco somente quando não tivermos mais chances de título".

O técnico Oswaldo de Oliveira engrossa o coro de Jefferson. "Ainda faltam 14 jogos. São 42 pontos. Há muito ainda para ser disputado. Vamos continuar na briga, pensando em ganhar o título. É o meu pensamento e dos nossos jogadores também", afirmou.

O empate com o Internacional afastou a equipe do G4. Antes da rodada, apenas dois pontos separavam o Botafogo do quarto colocado, o Vasco, mas agora são cinco. "Agora é tentar arrancar três pontos fora de casa contra a Ponte, mesmo sabendo que será um jogo muito difícil. A equipe deles não tem nenhuma estrela, mas tem um conjunto e está incomodando os times de cima", afirmou o goleiro.

Derrotada pelo líder Fluminense, a Ponte Preta arrancou já arrancou empates de Atlético Mineiro e Grêmio, segundo e terceiro colocados.

O meia Elkeson, que vinha atuando improvisado no ataque, está suspenso para o jogo deste domingo. Levou o terceiro cartão amarelo contra o Internacional. Em compensação, o atacante Rafael Marques está recuperado de lesão e deve ser titular. O zagueiro Antônio Carlos e o meia Vítor Júnior também voltaram a ficar à disposição do técnico. Já Marcelo Mattos, Lucas Zen e Renato seguem lesionados.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.