Reprodução/Twitter/América-MG
Reprodução/Twitter/América-MG

Botafogo-SP bate América-MG com gol no fim e vence a segunda na Série B

Marlon Freitas, aos 44 minutos do segundo tempo, fez o único gol do jogo

Redação, Estadão Conteúdo

30 de abril de 2019 | 23h54

Com um gol marcado aos 44 minutos do segundo tempo, o Botafogo-SP derrotou o América-MG por 1 a 0, nesta terça-feira, no Independência, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, em pleno aniversário de 107 anos da equipe da casa. Com isso, o time de Ribeirão Preto está com 100% de aproveitamento na segunda divisão, em primeiro lugar.

O Botafogo foi aos seis pontos, já que fez 3 a 1 no Vitória, na estreia. O América-MG, por sua vez, segue sem pontuar. O clube mineiro perdeu na rodada inicial para o Operário-PR, também por 1 a 0. O time de Ribeirão Preto também quebrou uma série de nove meses sem vitórias fora de casa. Seu último triunfo como visitante foi em 22 de julho, pela Série C, diante do Joinville, por 2 a 0.

O jogo começou movimentado, com as duas equipes buscando o gol. O América teve um pouco mais de posse de bola e ameaçou logo aos oito minutos. Jonatas Belusso arriscou de longe, a bola desviou, mas parou nas mãos de Darley. Na sequência, foi a vez de Diego Jussani perder grande oportunidade, de cabeça.

O time mineiro continuou em cima do adversário e novamente criou com Belusso. O atacante deu uma caneta em Jonatas e soltou o pé para grande defesa de Darley. A resposta veio com Lucas. O ex-lateral do Palmeiras foi até a linha de fundo e tocou para Erick Luis, que parou em Fernando Leal.

O Botafogo equilibrou as ações, mas continuou esbarrando na forte marcação da defesa do América, que teve nova chance com João Paulo. Darley pegou mais uma. No fim, o jogo acabou caindo de produção, devido ao equilíbrio no meio de campo.

No segundo tempo, o América voltou pressionando. Aos cinco minutos, João Paulo jogou a bola para dentro da área. Diego Jussani desviou de cabeça e mandou rente à trave. O Botafogo respondeu no lance seguinte. Saraiva arriscou para Fernando Leal defender.

Aos 36 minutos, a situação do Botafogo se complicou. Saraiva parou no ataque e sentiu uma lesão na coxa. Como havia feito três substituições, o time ficou com um a menos. No entanto, a equipe do interior de São Paulo criou uma das melhores oportunidades de gol no lance seguinte. Nadson recuperou a bola e acionou Marlon Freitas, que fez a infiltração, apareceu de frente para o gol e chutou por cima.

Nos minutos finais, o Botafogo colocou todos seus jogadores atrás da linha do meio de campo, anulou os pontos fortes do América e acabou abrindo o marcador. Aos 44 minutos, Marlon Freitas recebeu de Higor Meritão e dessa vez tocou na saída de Fernando Leal.

Na próxima rodada, o Botafogo visita o São Bento no dia 9 de maio, às 19h15, no Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP). No dia 11, o América-MG visitará o Criciúma, às 11h, no Heriberto Hülse.

FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG 0 X 1 BOTAFOGO-SP

AMÉRICA-MG - Fernando Leal; Leandro Silva, Paulão, Diego Jussani e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho (Pedro Augusto) e Felipe Azevedo; França, Júnior Viçosa e Jonatas Belusso (Ademir). Técnico: Givanildo Oliveira.

BOTAFOGO-SP - Darley; Lucas, Leandro Amaro, Naylhor e Pará; Marlon Freitas, Jonata Felipe (Higor Meritão) e Nadson; Erick Luis (Murilo Henrique), Rafael Costa (Henan) e Felipe Saraiva. Técnico: Roberto Cavalo.

GOL - Marlon Freitas, aos 44 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Grazianni Maciel Rocha (RJ).

CARTÕES AMARELOS - Zé Ricardo (América-MG); Erick (Murilo Henrique) e Jonata Felipe (Botafogo-SP).

RENDA - R$ 7.495,00.

PÚBLICO - 1.874 torcedores.

LOCAL - Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.