Rogério Moroti/Agência Botafogo
Rogério Moroti/Agência Botafogo

Botafogo-SP comemora título da série D do Brasileiro

Time segurou o River, na Paraíba, na noite deste sábado

Rene Moreira - Especial para o Estado, O Estado de S. Paulo

15 Novembro 2015 | 19h20

Jogando pelo empate, o Botafogo-SP conseguiu segurar o River, em Teresina (PI), e se tornou campeão da série D do Campeonato Brasileiro de Futebol. A partida, disputada na noite deste sábado, 14, no Estádio Albertão, terminou em 0 a 0, resultado que se repetiu sete vezes nos jogos do time de Ribeirão Preto ao longo da competição.

O jogo de ida, em Ribeirão Preto, tinha terminado em 3 a 2 para o Botafogo. Com o empate, a equipe chega à série C com uma campanha que somou apenas uma derrota fora casa na série D.

O placar, porém, foi conseguido com muito sacrifício. Com um público de 41 mil pessoas ajudando a equipe da casa, o time paulista jogou recuado e amarrou ainda mais o jogo após ter um jogador expulso, aos 11 minutos do segundo tempo. O River pressionou muito, mas no final os jogadores paulistas comemoraram a conquista da taça.

HISTÓRIA

O time de Ribeirão Preto tem 97 anos de existência e uma torcida fanática e que foi às ruas comemorar o título, com muitas faixas, bandeiras e buzinaço. Motivo para isso não falta, pois, apesar das muitas conquistas, foi o primeiro título nacional do Botafogo-SP.

A equipe, no entanto, tem uma galeria extensa de campeonatos e vices, tendo vencido, entre outros, os Campeonatos Paulistas da Série A2 e a A3. Também foi vice das séries B e C do Campeonato Brasileiro e do Paulistão.

ÍDOLOS

O Botafogo soma oito jogadores com passagens pela seleção brasileira de futebol. Destaque para Baldocchi (tri-campeão Mundial em 1970), Sócrates -que fez história com seu futebol refinado e seu irmão Raí (tetra-campeão Mundial em 1994).

Mais conteúdo sobre:
Futebol esportes Botafogo-SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.