Botafogo tem mudanças para tentar reagir no Brasileirão

As duas derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro motivaram o técnico Oswaldo de Oliveira a fazer alterações no time do Botafogo. E ele não hesitou em mexer em um vespeiro. Para o jogo contra o Internacional, neste sábado, às 18h30, no Beira-Rio, barrou dois ídolos da torcida. O meia Maicosuel vai para o banco, onde permanecerá o atacante Loco Abreu.

LEONARDO MAIA, Agência Estado

16 de junho de 2012 | 09h25

Oswaldo de Oliveira se diz tranquilo em tomar a difícil decisão, na tentativa de vencer o Inter em Porto Alegre. Um novo revés pode provocar críticas, principalmente porque Maicosuel e Loco Abreu têm a predileção das arquibancadas, apesar da má fase técnica que atravessam.

"Não tenho intenção de demonstrar força", afirmou Oswaldo de Oliveira. "Apenas acho que outros jogadores estão em melhores condições e são mais adequados ao jogo que teremos pela frente. Eles (Loco Abreu e Maicosuel) estão tranquilos e isso é o mais importante."

O treinador se viu forçado a tomar uma decisão com o retorno de Fellype Gabriel, recuperado de lesão, e de Loco Abreu, que defendeu a seleção uruguaia pelas Eliminatórias da Copa. Assim, Maicosuel foi para o banco e Herrera foi mantido como titular do ataque.

Ele acredita que nenhum dos dois esteja melindrado por ficar no banco de reservas. "O Loco é equilibrado e inteligente. Fica mais fácil conversar. Todos querem jogar e ele também, mas entende a minha opção momentânea de iniciar com o Herrera", argumentou Oswaldo de Oliveira. "Nada impede que voltem ao time titular."

Coincidência ou não, Loco Abreu pediu para não viajar com a delegação para Porto Alegre e ficou no Rio, alegando problemas pessoais para resolver. O que deixa o comandante botafoguense com menos uma opção entre os suplentes.

Outras duas mudanças do Botafogo são obrigatórias. O lateral Márcio Azevedo cumpre suspensão e será substituído por Lennon. No meio-de-campo, o volante Lucas Zen entra no time, já que Jadson e Marcelo Mattos estão com dores musculares. Enquanto isso, o zagueiro Antônio Carlos se recuperou de edema ósseo no joelho direito, mas Brinner segue na equipe até que o titular apresente melhor forma física.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.